Política

Navio Zaire da armada portuguesa fica em STP por mais dois anos

A garantia da permanência do navio patrulha NRP Zaire, nas águas nacionais em missão de fiscalização marítima, foi dada às autoridades nacionais pelo Ministro da Defesa de Portugal, João Gomes Cravinho.

O dirigente português que visitou São Tomé durante algumas horas, visitou o destacamento militar português, que opera no navio Zaire.

São 38 militares da marinha portuguesa que em parceria com militares da guarda costeira, participam na fiscalização da Zona Económica Exclusiva São-tomense. Para além da fiscalização marítima, os militares da marinha portuguesa, dão formação contínua aos militares da guarda costeira são-tomense, em todos os domínios de navegação marítima e de defesa do espaço marítimo.

O navio Zaire, está destacado em São Tomé desde o início do ano 2018. Em 15 de Setembro último, interceptou um navio de bandeira namibiana, mas com pescadores de Taiwan e de outras nacionalidades na prática de actividade ilegal de pesca nas águas nacionais.

Abel Veiga

    Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo