Política

PM “JBJ” participa no TICAD do Japão

O Chefe do Governo de São Tomé e Príncipe, vai usar da palavra na cimeira Japão – África, que inicia esta quarta feira na cidade de Yokohama. A cimeira que agrupa países africanos e o reino do Japão, debate nesta sétima edição, a questão do Desenvolvimento dos Recursos Humanos e a Educação.

O chefe do governo São-tomense vai intervir na conferência nesta quarta-feira, 30 de Agosto, primeiro dia de trabalhos, no painel denominado “ Desenvolvimento de Recursos Humanos e Educação.

Designada “TICAD” a cimeira Japão – África conta com o apoio das Nações Unidas. O Secretário Geral da ONU, António Guterres também participa no evento.

O Banco Mundial, é outro parceiro internacional que participa na cimeira de Yokohama.

Nos últimos anos a imprensa africana tem dado conta do renascimento do interesse do Japão pelo continente africano. Sobretudo a partir do ano 2001, quando aconteceu a primeira visita de um  Primeiro Ministro do Japão ao continente africano.

A diplomacia nipónica tem sido activa em vários países do continente. O investimento privado nipónico tem crescido em alguns países sobretudo da África Austral. Entre o ano 2000 e o ano 2014 o investimento privado directo do Japão em África cresceu em 14 vezes.

No entanto as trocas comerciais e o investimento privado do Japão em África, está muito longe de atingir o nível da sua rival, a República Popular da China, que é de longe o país asiático com maior influência económica e consequentemente política no continente africano.

Durante a cimeira TICAD 2019, o Primeiro Ministro de São Tomé e Príncipe, deverá reunir-se  com várias individualidades internacionais que marcam presença no evento. O Presidente de Angola João Lourenço, também participa na cimeira Japão -África.

Note-se que o Primeiro Ministro reuniu-se na última semana com o Chefe de Estado angolano em Luanda, numa visita relâmpago de 24 horas que Jorge Bom Jesus efectuou a Angola.

Abel Veiga

    3 comentários

3 comentários

  1. Manuel do Rosario

    27 de Agosto de 2019 as 21:33

    Como verdadeiro santomense que é, tão democrático que inspira, grande opositor da corrupção, objetivo nas suas deslocações ao exterior, JBJ será sempre guiado por Deus para trazer a esta terra e a este povo melhores soluções aos sublimes problemas que o país atravessa.
    Amém

    • WXYZ

      27 de Agosto de 2019 as 22:18

      Vamos ver se tera o mesmo gesto de devolver aos cofres do estado os remanescentes do subsidio que conseguiu para esta viagem. E que o gesto continue sendo devulgado pelo Silverio Amorim.

      • Amar o o que é nosso

        30 de Agosto de 2019 as 19:21

        Até gestos nobres são criticados. Guarda críticas para o que vai torto que é quase tudo,menos devolução de subsídio que os outros deviam fazer… Mas nesse governo só ele. Os outros deviam se envergonhar. Não aprendem

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo