Política

STP entra em Calamidade Pública a partir da meia noite de 16 de Junho

O Governo reunido em conselho de ministros no dia 12 de Junho, decidiu declarar ” Situação de Calamidade Pública” em todo o território nacional.

O Gabinete do Ministro da Presidência do Conselho de Ministros e dos Assuntos Parlamentares, Wuando Castro de Andrade, enviou para a redacção do Téla Nón, uma cópia do comunicado do Conselho de Ministros, que detalha as as fases do desconfinamento da população, com destaque para a retoma faseada das actividades económicas e sociais em todo o país.

O leitor deve apropriar-se do comunicado, que o Ministro Wuando Castro enviou ao Téla Nón, para assim conhecer em detalhes o que é Estado de Calamidade, e o que vai acontecer nesta Situação de Calamidade Pública, que começa na madrugada de 16 de Junho e só termina no dia 31 de Julho de 2020.

Leia o comunicado – Comunicado CM 12.06.2020

Abel Veiga

    17 comentários

17 comentários

  1. Pedro Costa

    13 de Junho de 2020 as 19:15

    Calamidade pública, o país já está há muito tempo.
    Esta só tem a ver com Covid-19. Espero que o país consiga sair bem desta. Faço votos que dê tudo certo. Até agora pelo que vejo, contrariamente aquilo que previa, esta situação do covid-19 não está muito mal. É necessário disciplinar este povo.
    Agora a nossa calamidade que já dura mais de 40 anos, esta também tem de ser resolvida

  2. Trunfo do Povo

    13 de Junho de 2020 as 20:45

    Ainda bem que o Fradique mandou preparar aquele mulato em Belém pará ele ser uma espécie de salva.vidas desse governo moribundo.

  3. Coronavírus

    13 de Junho de 2020 as 21:57

    A conclusao dessa informacao vai dar igual a Europa, a unica coisa usaram a palavra que da MEDO (MEDDO) Calamidade Pública,o medo estilo!!!

    O Governo no Reino Unido informa que nesta segunda-feira ja pode abrir as lojas e 2 metros de distancia passa a ser 1 metro de distancia,e as pessoas podem visitar amigos e familia e estar distantes na conversa.

    Calamidade (do latim calamitate) ou catástrofe significa desgraça pública, flagelo.

    Podemos definir como estado de calamidade pública uma situação anormal, provocada por desastres, causando danos e prejuízos que impliquem o comprometimento substancial da capacidade de resposta do poder público do ente atingido.[1]

    Uma calamidade pode ter origem em fenômenos naturais. Quando ocorrem grandes desgraças, infelicidades e infortúnios nas comunidades se utiliza o termo calamidade pública. Os governos nacionais nestes casos atualmente possuem mecanismos para salvaguardar as populações atingidas. Estes são chamados normalmente de defesa civil, que é executada por voluntários e profissionais voltados a auxiliar os atingidos pela calamidade.

    Embora estes acontecimentos sejam bastante marcantes é possível controlá-los através de métodos de prevenção catastrofiais.

  4. Maria das Mercês

    14 de Junho de 2020 as 9:06

    Não se pode admitir que o Senhor Posser da Costa venda um espaço público da cidade de S.Tomé para a Sonangol e tome o dinheiro e compre o seu apartamento num dos espaços mais chiques de Lisboa em detrimento da vida da população.
    Temos que por fim a esta cadeia de corrupção criada pelo MLSTP em S.Tomé e Príncipe
    Eu como parte da Sociedade de Civil estou disposto a participar em todas as formas de luta necessárias para que este espaço público do povo de S.Tomé e Príncipe não seja vandalizado por estes grupos de corruptos. Quero encorajar ao r. Olivio Diogo a organizarmos juntos Manifestações e toda a forma de luta para a defesa da nossa soberania como parte deste povo santomense

  5. Como será

    14 de Junho de 2020 as 14:39

    Realmente santomense ja vêem vivendo estado de calamidade da pobreza extrema a décadas,.senhores politicos bem ppstados na foto, como sera a situacao deste pais que nada fazem limpar a imagemn, pais que anda lista negra dos paises mais pobre do MUNDO, e voces cada mais ricos, teem givendas de luxo, tripulam viaturas de Top, compram apartamentos em Lisboa.Vivem a vila de nobreza,um dia a Comunidade internacional, os parceiros que financiam projectos no pais que voces desviam estes fundos para o vosso conforto, serao posto na banco dos réus.

    • Marisa

      18 de Junho de 2020 as 12:54

      Carmo será, antes de criticar seja lá o que for, aprenda primeiro a falar e escrever português corretamente.

  6. Tony

    15 de Junho de 2020 as 11:54

    O estado normal em Stp desde há 45 anos é de calamidade!!!

    Nem era preciso decretar o que já existe

  7. flipotchi

    15 de Junho de 2020 as 12:24

    Vocês acham que Posser vai deixar de cercar aquele espaço? Acredito até que Jorge Bom Jesus vai mandar policias para correr com todos os manifestantes a paulada. Esta terra é uma perdição. Apenas corrupção legalizada por este Governo. Quem não acredita basta investigar a pessoas que estão por detrás das empresas que estão a fazer obras de mercado de bobo forro, passeios, obras de radio nacional, pontes sobre o rio agua-grande. São todos camaradas do partido MLSTP, namoradas e outras pessoas camufladas e com ligações a essas pessoas.
    Na comissão para mitigação do COVID então outro escandalo com Posser e Man Rafa a receberem balurdios.
    Os ministerios da finanças e das obras públicas transformaram no epicentro da corrupção ao olho nú. Nunca vi tantos desvios assim na minha vida.
    Ó Jorge tenha pena deste povo…
    Enquanto isso o Ministerio Público anda a dormir.

  8. Catarina

    16 de Junho de 2020 as 1:41

    Jorge BOM Jesus é o homem mais froxo que já conheci, um primeiro ministro que não consegue fazer uma remodelação. Não consegue mandar diretores para casa, os ministros fracos sem nível se quer para ser diretor de gabinete. Não é possível o ministro da agricultura, ministra da educação, ministra de turismo, ministro da saúde, ministro de trabalho estarem ainda nas funções que ocupam. A essa senhora de Príncipe por amor de Deus já lidei com muita gente do Príncipe com nível tão baixo nunca tinha visto, MLSTP la de Príncipe não tem outra pessoa para camaradas ter coragem ter essa senhora como ministra a senhora não percebe nada de nada está como peixe fora de água será verdade que senhora tem curso de Professora e vocês foram coloca- la como ministra de turismo e comercio? qualquer garoto esperto daria conta disso melhor que essa palaie. Essa da educação não tuge nem muge, esse trabalho está a criar rabo só, de agricultura nem se percebe o que ele diz, de saúde autêntico tagarelar. Oh Jorge estica corpo ao menos salva a tua honra manda essa corja para casa juntamente com alguns diretoreszinhos. O Pascoal continua ainda no hospital a fazer okê?

    O ministro da juventude é um dos poucos que se pode aproveitar

  9. Faculdade de Direito- Unv. Coimbra

    16 de Junho de 2020 as 1:55

    Jorge mau Jesus tens que mexer nesse teu desgoverno, ministro da saúde e a ministra de turismo o mínimo que senhor Mau Jesus tem que fazer é manda-los ir pastar boi a de turismo então só sabe arranjar confusões e segundo informações é corrupta toda obra é para irmão sem concurso é o que dá ter gente do Príncipe no governo. Recordam outra do Príncipe que esteve no de Gabriel Costa no negócio estrangeiros quando saiu deixou ovos com linha preta no armário do ministério. Kkkkk S.tomé e Príncipe tem com cada uma.

    • Credo CALOR

      16 de Junho de 2020 as 7:45

      Tem toda razão Jorge vai de mal a pior. Os ministros amarrou Jorge a de Príncipe dizem que gosta de bruxaria. Só pode ser obra de bruxaria Jorge está descontrolado. Aaaaah viva camaradas, os camaradas comem tudo viva Elsa Pinto

    • Picão

      16 de Junho de 2020 as 7:58

      É o que dá ter gente no governo? Grande abuso próxima eleições melhor camaradas não virem pedir voto no Príncipe, atrevidos o quê que uma coisa tem a ver outra. Não aproveita para faltar respeito a povo de Príncipe. Príncipe já teve muita gente no governo Central que deram provas.

      Foros atrevidos…

  10. Sotavento

    16 de Junho de 2020 as 7:30

    STP está em calamidade publica desde 13 de julho de 1975.

  11. Amadora

    16 de Junho de 2020 as 7:35

    Sr Primeiro ministro o seu governo é que uma autêntica calamidade, com chefe de Governo sem mando com medo de ministros, se Sr não meixer nessa equipa tem que correr com uns quantos ministro Sra Maria da Graça Lavres esta Sra é Ministra? Só em S.tomé e Príncipe o tal de Saúde o caduco do Edgar Neves é ministro? O doído do Osvaldo Vaz é ministro? Essa Sra mole mole da Educação a Julieta é Isidro é Ministra? Oh Sr baixar as calças tenha coragem sei que lá em casa quem manda é Clara pelo menos coloca la gente nova com cara lavada e gente que ti obedeça ó mau Jesus.

    Se senhor nem consegue demitir um ministro está a fazer okê mais no governo demita vai para casa tomar conta da casa.

  12. Portugal

    16 de Junho de 2020 as 7:51

    Ministra de turismo comeu todo dinheiro de museu moncó não brinca com dinheiro, manda a Sra para Príncipe acompanhar o Tó ZÉ o ditador comedor de dinheiro do povo…

  13. Rio papagaio

    16 de Junho de 2020 as 8:06

    Foi Antonio Burro que pois essa senhora burra no governo ela está pagar o insulto que fez a nosso Presidente Tó ZÉ CASSANDRA. Quem disse que Graça percebe de alguma coisa. Graça não deu prova no Príncipe, alguma vez ia dar prova noutro sítio?

    por favor não falta respeito a povo de Príncipe. ABUSO

  14. SANTOMÉ CU PLIXIMPE

    17 de Junho de 2020 as 10:04

    Pelas guerras de palavras que estou vendo aqui entre pessoas de mesma república,, sempre defendi que a autonomia do Príncipe iria criar um fosso grande num grupo pequeno em relação há um maior,,Em ST tem muitos de da ilha do Príncipe que ali vem,, não percebo esta situação,,espero que os governantes percebam isso a tempo,,,,,STP é só um

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo