Política

Juventude Unida pelo Príncipe exige que a CEN recenseie novos eleitores

Num comunicado, a juventude do partido UMPP(União para Mudança e Progresso do Príncipe), diz-se preocupada com «um atraso incompreensível para a atualização do caderno eleitoral».

A juventude da ilha do Príncipe que milita na UMPP, partido que governa a região autónoma do Príncipe desde o ano 2006, contesta o atraso que se regista no processo de recenseamento de novos eleitores, para participar nas eleições, legislativas, autárquicas e regionais marcadas para 25 de Setembro próximo.

«Sob pena de se pôr em causa a credibilidade de todo o processo eleitoral para o presente ano», refere o comunicado lido na cidade de Santo António por Edilson Freire(na foto), líder da Juventude do partido UMPP.

Os jovens do Príncipe, recordam que a participação na vida política do país, é um direito constitucional atribuído a cada cidadão.

«A participação na vida política constitui um direito fundamental de todos os cidadãos Santomenses, e o direito ao sufrágio está plasmado na Constituição da República que dispõe no seu artigo 58.º que, passo a citar, “Têm direito de sufrágio todos os cidadãos maiores de dezoito anos (…)”, fim de citação».

Seguindo o espírito da lei fundamental do país, os jovens da ilha do Príncipe, avisam que não poderão ser excluídos do exercício do poder político no dia 25 de Setembro.

«A juventude da UMPP, inconformada com esta situação, vem apelar aos Órgãos de Soberania e em particular a Comissão Eleitoral para que tudo seja feito de modo a proceder-se à atualização do caderno eleitoral, para que cada jovem Santomense que completa os dezoito anos de idade até ao próximo dia 25 de setembro tenha oportunidade de exercer um direito fundamental previsto na Lei Mãe e participar na tomada de decisão determinante sobre o futuro do nosso País», conclui o comunicado, lido pelo Presidente da Juventude da UMPP, Edilson Freire.

Abel Veiga

4 Comments

4 Comments

  1. Sem assunto

    10 de Junho de 2022 at 14:50

    Vocês deveriam preocupar e dar vida para coisas mais serias e duradoiras!
    A ilha do Príncipe é uma m.da sem nada. Qual o futuro vos reserva?
    Que tal concentrarem vossa energia neste problema.

    • Pois

      10 de Junho de 2022 at 21:33

      Por causa de mentalidade como tua que estamos assim. Jovens não podem ter voz?

  2. Fuba cu bixo

    10 de Junho de 2022 at 16:03

    O governo recebeu o financiamento para fazer o recenseamento eleitoral porque que não querem fazer, isso indicia que esta na forja uma grande fraude eleitoral por parte da Nova maioria encabeçada pelo MLSTP.
    S.Tomé não pode ficar permanentemente manchado por causa dos partidos da nova maioria, queremos jogo limpo.

  3. Muito bem

    10 de Junho de 2022 at 16:12

    Tiro chapéu para a organização UMPP. Eles são muito organizados e dá inveja ver como eles têm estruturas organizadas. Até a juventude deles é organizado e funcional. Os gajos fizerem agora uma intervenção muito pertinente para defender os interesses dos outros milhares jovens do nosso país. Temos muito a aprender com eles. Força UMPP

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top