Sem categoria

Festa da independência Nacional em Portugal

A Associação da Comunidade São-tomense em Portugal e a Associação das Mulheres de São Tomé e Príncipe em Portugal são um dos promotores de um Mega Piquinique, que reúne todos os são-tomenses residentes em Portugal, para celebrar o trigésimo nono aniversário da independência nacional.

O piquenique que terá lugar no Parque Felício Loureiro, junto ao Palácio de Queluz-Belas, será preenchido com música e dança. O leitor deve consultar o programa, CLIQUE – Cartaz Mega Piquenique

Outras actividades recreativas e culturais foram agendadas pela Associação da Comunidade são-tomense em Portugal Clique  – 12 de Julho -Programa de atividades

Abel Veiga

    3 comentários

3 comentários

  1. Humberto Santos

    12 de Julho de 2014 as 11:00

    12 de Julho de 1975/12 de Julho de 2014, S.Tomé e Príncipe país independente e soberano.

    Parabéns ao povo santomense, pela comemoração dos 39 anos de Independência Total e Completa. Anos de muitas dificuldades e sacrifícios concentidos, pela maioria da população, que é a camada mais sofrida e desfavorecida, constantemente lesada por uma minoria que em nome desse mesmo povo, o maltrata, rouba, viola e adia as suas legítimas aspirações, de liberdade, justiça, trabalho e bem-estar social.

    Acredito na capacidade do meu povo para superar todos esses constrangimentos e apelo para que não desistam de lutar e que estejam sempre vigilantes, não facilitem a vida aos corruptos e aos sanguessugas do povo, sobejamente identificados, mas que infelizmente continuam impunes.

    Vigilância e atenção redobrada, deve ser mantida em relação aos novos ambiciosos de poder, que se perfilam à todo o custo, para substituir os antigos; esses são muito piores ainda, pois inspiram-se em práticas, nunca antes vistas, no nosso solo pátrio; basta comparar os seus modos-operandi.

    Portanto, meu querido povo, usa de forma mais criteriosa as grandes armas de que dispõe:
    -vota em consciência e não pelo banho
    -escolha as melhores propostas e não caras “lugido”
    -não se iluda com palavras vãs e avalia pelo comportamento
    -exija e imponha-se nas suas reindivicações de forma coerente e assertiva
    -aos jovens, procurem aliar-se àqueles mais-velhos ìntegros (poucos mas ainda existem), para que possam saber e recuperar os valores do bom-homem santomense.

    Ao contrário do que se pretende apregoar, a República Democrática de S.Tomé e Príncipe, é um País, não só viável, como altamente viável e nunca foi tão viável com agora.
    Este país será sim, um dos países mais apetecíveis para se viver.

    Que Deus proteja a República Democrática de S.Tomé e Príncipe
    Que Deus proteja o Povo de S.Tomé e Príncipe.
    Unidos venceremos concerteza.

    Humberto(Makanaky

  2. mandja

    13 de Julho de 2014 as 0:41

    …tão triste aniversário! Espero que haja um novo presidente , democrata, patriota, humano e sobretudo inteligente e honesto….que esteja à escuta do outros, aberto, carismático, competente e capaz. Menos o Gatuno P.Trovoada.

    • Atento

      6 de Julho de 2015 as 16:39

      Meus irmãos.
      Se eu estivesse em Portugal, empunharia um cartaz bem grande a pedir ás autoridades de STP que iniciem um REFERENDO á população se querem ou não ser uma região autónoma, de forma a sermos sãotomenses portugueses.
      O povo não foi referendado se queria a independência, como tal deve agora ser referendado se quer continuar na miséria em que se encontra.
      Por fim, meu caro Humberto Santos, fica-te bem esse otimismo, mas mano, a miséria, a corrupção o desvaneio dos políticos a prostituição de meninas, indicam tudo ao contrario do que sonhas para STP.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo