Sociedade

Primeira Dama da China apoia população vulnerável de STP

Na última semana a embaixada da China em São Tomé e Príncipe, entregou a Cruz Vermelha um grande lote de equipamentos e produtos alimentares, que deverão ser distribuídos para 6 associações santomenses, que dão assistência às populações mais vulneráveis, nomeadamente os idosos, as crianças e os deficientes físicos.

O donativo em máscaras, termómetros e géneros alimentícios, foi enviado ao povo de São Tomé e Príncipe pela primeira-dama da República Popular da China.

«Fizemos questão de entregar através da Cruz vermelha, 18 mil máscaras, termómetros digitais, para as camadas mais vulneráveis… São demonstrações da amizade do povo chinês para com o povo de São Tomé e Príncipe», afirmou Wang Wei, o embaixador da China em São Tomé e Príncipe.

O Brigadeiro Justino Lima, Presidente da Cruz Vermelha de São Tomé e Príncipe, agradeceu mais este gesto solidário da China. «As máscaras e os termómetros vão nos permitir contribuir para a prevenção da Covid-19».

A ajuda alimentar angariada pela comunidade chinesa em São Tomé numa parceria com a embaixada chinesa, dá estabilidade a dispensa da Cruz Vermelha. «São géneros alimentícios que já faziam falta nos nossos armazéns. A ajuda vai melhorar a dieta alimentar dos nossos idosos», acrescentou o presidente da Cruz Vermelha de São Tomé e Príncipe.

China é um dos parceiros de São Tomé e Príncipe que periodicamente, entrega ajuda técnica e material para o país enfrentar a Covid-19 e os seus impactos económicos e sociais.

Abel Veiga

 

    Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo