Sociedade

O réptil da praia Colónia Açoreana foi abatido, esfolado e comido

Sem qualquer declaração das autoridades competentes de São Tomé e Príncipe, desde o último fim de semana que circulam nas redes sociais as imagens de um réptil sem vida. Segundo a reacção dos populares trata-se do réptil que apareceu na praia da Colónia Açoreana desde Março passado. Foi abatido, mas não há confirmação oficial sobre quem abateu o réptil. Não há informação credível se o animal foi abatido por militares que patrulhavam a praia de Colónia Açoreana, ou se foi abatido pelos populares que aparecem nas imagens.

O certo é que segundo as imagens o réptil foi arrastado pelos populares, há imagens que mostram o animal já esfolado e sobre uma mesa de cozinha. Tudo indica que terá sido devorado pelos populares durante o fim de semana.

Abel Veiga

    13 comentários

13 comentários

  1. Pedro Costa 2

    26 de Abril de 2021 as 8:08

    Hoje em dia situações destas não deveriam ocorrer!
    Numa altura em que ainda se está por entender, segundo os estudiosos, de onde surgiu o Covid_19, pessoas consomem animais sem de certeza ter sido visto por um veterinário? Que é raro acontecer neste país, desde dos tempos remotos. É por estas e outras que a humanidade depois é confrontada com doenças mais estranhas!
    Mata-se, esfola-se e come-se! Atitudes de um atraso mental sério.
    Enfim

    • Bonaparte

      26 de Abril de 2021 as 16:00

      Oh meu caro, há gente a consumir até as próprias filhas e avós imagina lá se não haverão de papar um crococô hehehe

  2. SEMPRE AMIGO

    26 de Abril de 2021 as 9:42

    Abel! Leve-leve. Para quê e por quê tanta precipitaçaõ?.Compreendo…Para o jornalista anunciar SÓMENTE que o animal foi abatido, não é NOTÍCIA.Tem que ser apimentado.Para ser NOTÍCIA,o animal tinha que ser abatido,ESFOLADO e sobretudo COMIDO.Na verdade o animal não foi comido.Para evitar o apodrecimentos animal foi esfolado e a carne guardada para vir a ser analisada pelas autoridades competentes.CREDO! Não estamos assim tão carentes de proteínas.

    • Madiba

      28 de Abril de 2021 as 11:51

      Quá védé mé?

  3. Rapaz de reboque

    26 de Abril de 2021 as 16:16

    Poça comem tudo nesta terra

  4. Gregorio Furtado Amado

    26 de Abril de 2021 as 17:55

    As informações da televisão pública elucidam que foi um atirador das farstp que abateu o animal. Eles tambem informaram que o animal foi levado pelos militares e agora é populacao? Houve tambem apelo internacional passado pela rádio Nacional para não eliminaram o animal de modo a estudarem a proveniência. Agora as ordens são só pra matar?

  5. Jorge Trabulo Marques

    26 de Abril de 2021 as 20:37

    É um enorme risco comer carne destes animais – Numa aldeia, em Portugal, perto da minha, depois de uma batida a javalis, porcos selvagens, quem comeu a carne, sofreu grandes desarranjos intestinais, todos foram parar ao hospital – Por outro lado, estes bichos, segundo um estudo do bacteriológico publicado no Boletim Oficial, em 1916, nº 24, indica 100.000 colibacilos por cada litro de água e indica igualmente a abundância do bacilo desintérico – Em março de 2017, quando tive um acidente junto ao Pico Cão pequeno, que me ia custando a vida, se não tivesse sido enviado, pelo Coronel Victor Monteiro, um maqueiro ao meu encontro, e uma ambulância a esperar-me na estrada, teria morrido – Mas vim a ter problemas intestinais, nos 3 anos seguintes, com medicamentos e mais medicamentos, em virtude de ter bebido água desses lugares, da montanha – Foi graças ao Dr Jaime Catarino, um médico de Cabo Verdes, que presta assistência no Hospital dos Capuchos, que, depois de me ter analisado através de uma câmara, que acertou no prognóstico bacteriano e me curei.

  6. Jorge Trabulo Marques

    26 de Abril de 2021 as 20:56

    Na minha mensagem anterior, houve um lapso, que aproveito para corrigir – Dizia eu, que é um enorme risco comer carne destes animais – Numa aldeia, em Portugal, perto da minha, depois de uma batida a javalis, porcos selvagens, quem comeu a carne, sofreu grandes desarranjos intestinais, todos foram parar ao hospital – Por outro lado, é constatado por estudos bacteriológicos, a fraca qualidade das águas de S. Tomé, quer das que provêm das montanha, e são muitas as linhas de águas, quer, sobretudo, as que derivam de aéreas pantanosas. Esse animais, andam envenenados, tanto pelo que bebem como pelo que comem – Só que o seu organismo, já se acostumou, tal como os morcegos ou macacos; todavia, que lhe comer a carne, pode vir a sofrer consequências – Uma análise, publicada no Boletim Oficial, em 1916, nº 24, indica 100.000 colibacilos por cada litro de água e indica igualmente a abundância do bacilo desintérico
    Em 5 de março de 2016, quando tive um acidente junto ao Pico Cão pequeno, que me ia custando a vida, se não tivesse sido enviado, pelo Coronel Victor Monteiro, um maqueiro ao meu encontro, e uma ambulância a esperar-me na estrada, teria morrido – Mas vim a ter problemas intestinais, nos 3 anos seguintes, com medicamentos e mais medicamentos, em virtude de ter bebido água desses lugares, da montanha – Foi graças ao Dr Jaime Catarino, um médico de Cabo Verdes, que presta assistência no Hospital dos Capuchos, que, depois de me ter analisado através de uma câmara, que acertou no prognóstico bacteriano e me curei.

  7. El Santo..

    27 de Abril de 2021 as 7:10

    De acordo com a Biblia (levitico 11) esta animal esta na lista de animais imundos (impropio para alimentacao humana)

  8. Santomense

    27 de Abril de 2021 as 9:16

    Em Estados Unidos da América comesse este animal e bem.
    Eu porém já comi e olha que é uma delícia, se comeres aquilo acompanhado de uma cerveja Budweiser é uma maravilha.

    Folks give it try.

  9. Paulo Jorge dos Reis

    27 de Abril de 2021 as 9:45

    Comportamento imbecil e estupido, terem esfolado este crocodilo. O que teriam feito dele? Comeram-no. Acho que deveriam é sim embalsamarem-no para fins turísticos e outros e não fazerem esta pouca vergonha que uma instituição do Estado fez. Isto só acontece onde não há Estado, onde não há dirigentes.
    Como ninguém manda, qualquer um faz aquilo que lhe dá na telha.

  10. Crisotemos Café

    27 de Abril de 2021 as 9:49

    Gente burra e estupida é que faz isto. Onde estão as chefias militares? Deviam todos serem demitidos, incluindo o próprio ministro.
    A não ser que levaram para alimentar os cães dos chefes.

  11. Cuidado com a origem das imagens

    28 de Abril de 2021 as 20:36

    Meus caros vamos focar em criar um bom jornalismo! Ninguém se questionou da veracidade da segunda imagem? A própria marca de água demonstra que aquela vem de outra fonte “travel…”

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo