Sociedade

Ponte em vias de desabamento suspende energia eléctrica em São Tomé

São Tomé e Príncipe tem 166 pontes em vias de desabamento. São dados divulgados por um estudo feito no terreno pelo Instituto nacional de Estradas desde o ano 2009.

Nesta semana uma das pontes na estrada nacional número 1, mais concretamente na localidade da Ribeira Funda, deu sinais de desabamento.

A ponte localizada nas proximidades da cidade de Neves, no norte de São Tomé, já não dá garantias para circulação dos camiões cisternas que transportam combustíveis entre o reservatório da empresa ENCO(na foto) localizado na cidade de Neves e o resto da ilha de São Tomé.

Ponte da Ribeira Funda

A empresa estatal de electricidade, a EMAE, que apenas tem geradores a gasóleo como fonte de energia eléctrica que alimenta o país, deixou de ser abastecida pelos camiões cisternas. Aconteceu rotura no stock de gasóleo nas centrais térmicas, todas elas instaladas na capital São Tomé e seus arredores.

Geradores da Central Térmica de Santo Amaro

Assim, desde 28 de Fevereiro que a maior parte da ilha de São Tomé ficou sem acesso a energia eléctrica. O corte 24/24 no fornecimento de energia à população está a provocar prejuízos incalculáveis.

No entanto o Téla Nón apurou que a empresa que fornece combustíveis ao país, a ENCO, em parceria com a EMAE e o Governo, começou a fazer o transbordo de combustíveis na ponte da Ribeira Funda.

Ou seja, um camião cisterna transporta combustíveis do reservatório da cidade de Neves até a ponte em vias de desabamento. O combustível é bombeado para outro camião cisterna posicionado no outro lado da ponte. Após o carregamento o camião segue viagem para a cidade de São Tomé para abastecer as centrais térmicas da EMAE. Segundo a empresa de electricidade, os seus geradores precisam de 50 mil litros de gasóleo, para produzir energia suficiente para a população.

Por outro lado filas já começaram a contornar as bombas de combustível. Dezenas de viaturas procuram combustíveis, que já começaram a escassear.

Abel Veiga

FAÇA O SEU COMENTARIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top