Sociedade

OMS entregou à CEN materiais para garantir segurança sanitária nas eleições de 25 de setembro

Os membros da Comissão Eleitoral e das Assembleias de voto vão estar protegidos contra a Covid-19 durante o escrutínio eleitoral de 25 de setembro.

A representação da OMS em São Tomé e Príncipe ofereceu à Comissão Eleitoral Nacional 6000 máscaras faciais e 1000 garrafas de álcool gel para desinfecção das mãos.

Françoise Bigirimana em representação da OMS, disse na cerimónia de entrega dos materiais de protecção, que foi uma resposta ao pedido feito pela Comissão Eleitoral Nacional. A OMS manifestou desejo de que as eleições legislativas, autárquicas e regional decorram num clima de serenidade e com saúde.

«Este gesto demonstra o empenho firma do Ministério da Saúde e da Comissão Eleitoral Nacional no sentido de interromper a cadeia de transmissão do vírus de Covid-19 em São Tomé e Príncipe», declarou Françoise Bigirimana.

A Comissão Eleitoral Nacional reconhece que a segurança sanitária, está garantida para as eleições de 25 de Setembro. Sara Santos membro da CEN, respondeu que os materiais irão «contribuir para o nosso processo eleitoral na medida em que são materiais que vão apoiar na higienização das mãos e assim reduzir o índice de contaminação da Covid e outras doenças»,

Frascos de álcool gel

Para além dos materiais de prevenção contra a Covid-19, o lote ofertado pela OMS incluiu kits para despistagem da Dengue. Doença que está a crescer no arquipélago. Segundo a OMS já foram registados 919 casos e 2 mortes.

Filomena Monteiro, Ministra da Saúde, agradeceu o apoio da OMS. Com apoio da OMS São Tomé e Príncipe previne-se contra a Covid-19 e a Dengue.

Abel Veiga

FAÇA O SEU COMENTARIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top