São-tomenses com expectativas renovadas para 2017

Apesar das autoridades governamentais, definirem 2017 como sendo mais um ano de contenção das despesas, nas ruas da capital São Tomé, os cidadãos esperam ver resolvidos os problemas elementares do dia-a-dia.

O ano 2016 transformou o centro da cidade de São Tomé, num mercado de rua. Os passeios do centro da capital passaram a ser mercado. O negócio de rua evolui de mãos dadas com a insalubridade, que ameaça dominar também todo o ano 2017.

No entanto as mulheres e homens que ocuparam todos os passeios do centro da capital para vender produtos alimentares ao lado de imundices de toda espécie, pedem que 2017, seja diferente.

As vendedoras de hortaliças, chouriços, caldos, banana, arroz medido em canecas, etc etc, queixam-se do facto de fazerem o negócio sob sol escaldante no centro da capital. Exijam para 2017 a construção de mais um mercado, uma vez que todos os passeios e parte das estradas do centro da capital, já foram todos ocupados.

Vários cidadãos contactados na cidade pelo Téla Nón, manifestaram-se optimistas de que 2017 vai ser o ano do arranque do país. Uma expectativa que se repete e se renova no início de cada ano.

Como manda a tradição são-tomense desde as primeiras horas do novo ano, que milhares de pessoas se concentraram nas praias, para lavar tudo de mal que aconteceu no ano 2016.

A lavagem do ano velho, é uma tradição que visa purificar o corpo e alma para que o homem, a mulher, e as crianças desfrutem de bons momentos e de oportunidades de sucesso no ano novo.

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    Juro Por Deus Responder

    Em Primeiro Lugar Parabens… aos Jornalistas.
    Realmente o que esta escrito ‘e purra verdade, eu Pessoalmente concordo ‘e uma pouca vergonha, a fotografia mostra o centro de cidade e isso assim nao pode ser, Higiene e o cheiro nao ‘e agradavel. Gelo para os peixes ‘e necessario e tambem um Lugar para essas senhoras e senhores Tambem para assim fazerem o seu Negocios.

    Se existir boa condicoes de Trabalho para os mesmos o Governo de Sao Tome e Principe deve fazer igual a Europa, aonde estao da forma como apresenta a Fotografia deveriam cobrar as pessoas para as pessoas pagar uma comissao isso tambem ajuda muito a cofre Publico e tambem Boas condicoes de Trabalho Para os mesmos e construcao de outro Lugar para Tal.

    Se o Mercado Principal nao tem capacidade para muita Gente ‘e construir outro Mercado Para assim dar condicoes as Pessoas de trabalho.
    E ao mesmo Tempo todos os dias cobrar 800 Dobras, eu nao sei o valor em certo mais pelo menos o valor minimo.

    Esse Valor minimo de Pagamento Todos os dias ‘e Depositado na conta do Governo o escritorio Responsavel para Tal. e Final do Ano tem o seu Valor e Vai sempre compensar o que construirem.

    Juro Por Deus
    Reino Unido,Lincoln

  2. img
    Vexado Responder

    Pedro carvalho não escreve mais “crónicas”? Andava a criticar o anterior governo, hoje enquanto deputado da nação não move uma palha a favor da mudança.
    Watson carvalho, boby, decinel, levy Nazaré, bala, onde está aquelas bocas para melhorar o país?
    Onde está a palavra que outrora era pão nosso de cada dia: melhoria do país?
    Pelos vistos as mudanças estão vistas, carros novos, vida de fartura, Patrice paga aos senhores lambibotas, tudo um bando de aventureiros caídos de paraqueda no país para sacar.
    Até lucas lima virou corrupto…lol…bobo muito…

    Quem desmente esse comentário? Partido ADI bando de gatunos.

  3. img
    Jusaldo D´Almeida Responder

    concordo plenamente com o meu caro amigo “Vexado”
    o dito senhor Levy sempre aparecia nas comunicações sociais, a dizer que era advogado do povo pequeno…..
    agora não sei aonde anda o dito advogado do povo pequeno, ou seja, ficamos sem defensor, espero que brevemente esse juizado nomeia-nos a menos que seja um “defensor oficioso”

  4. img
    Nuno Menezes Responder

    Normalmente as pessoas com dificuldades em Sao Tome e Principe o Governo deSao Tome e Principe, com tanta Divida externa que Sao Tome e Principe assim Tem, O Governo tem dificuldades de criar novos Postos De Trabalhado. Neste sentido pessoalmente concordo, No entanto para educacar a Populacao Local e dar uma boa Condicoes de visualizacao Da cidade e do comercio local e tirar essas Pessoas que prestam service de Alimentacao e nao apenas, 8 Horas de servico de Policia de Estado, Policia Local de Sao Tome e Principe, apenas uma Pessoa da Policia, fazer o controlo e tambem receber dinheiro dessas mesmas pessoas que prestam o service de Venda no Mercado.

    Um valor minimo todos os dias, as pessoas que pagam simplesmente devem guardar o recibo,o mesmo Policia responsavel 1 em 1 hora da volta novamente no Mercado ver quem pagou ou nao para estar ali a trabalhar, pode acontecer chegar novas pessoas para assim querer vendere assim nao Pagouo minimo Valor estipulado Por governo.

    Em relacao as Pessoas que vende produtos de alimentacao nomercado deixo aqui a experiencia que assim tenho na Europa:

    Imagina, no Mercado Municipal o Governo de Sao Tome e Principe, estepula seu Valor minino de 50 Dobras todos os dias por pessoa, e neste Mercado existe no total 100 pessoas.

    Se o azeite o valor for 200 Dobras esse mesmo azeite passa a custar 200.50 Dobras.

    Os 50 Dobras ‘e para pagar o que o governo assim pede, e espero que os mesmos ( O Governo ) dao melhores condicoes de trabalho.

    Os comerciantes ficam sempre a ganhar em relacao a essa situacao, concerteza nao ‘e uma garafa de azeite que vendem por dia existe outros produtos mais….

    Eu pessoalmente acho que sim, aonde esta essas pessoas todas nao existe condicoes e ‘e o centro da cidade de Sao Tome e Principe.

    O Peixe ‘e necessario meter Gelo, essas pessoas precisamde ter um Lugar proprio para assim trabalharem e com condicoes proprias bancadas proprias para assim meterem gelo.

    Somos nos que temos que restruturar Sao Tome e Principe, nao ‘e complicado mesmo com divida externa que assim Sao Tome e Prfincipe assim Tem.

    Existe concerteza o Turno de Policia em sao Tome e Principe 8 horas de Trabalho e o governo sao obrigados a pagar os mesmos, selecionar 2 ou 3 de segunda feira ate domingo apenas para fazer esse tipo de servico, eles recebem da mesma.

    A recolha de dinheiro desses mesmos comerciantes o Policia responsavel concerteza vai ser avisado por Governo Local aonde deve depositar.

    Para nao haver confusao Na caixa, muito simples alguem do servico do governo vai ao banco de Sao Tome e Principe, viemos aqui para abrir uma conta bancaria em Nome feira Ponto Mercado Municipal.

    O Numero da Conta bancaria do Mercado Municipal ‘e dada ao Policia Responsavel e um livro de recibo assim fornecido Por governo.

    Imagina se esse livro de recibo tem 8000 mil paginas e o pagamento diario ‘e apenas 50 dobras o governo de Sao Tome e Principe sabe o total que o policia tem que assim dipositar na conta bancaria do Mercado Municipal.

    E todos os meses o servico Responsavel verificar o Saldo da conta bancaria se o dinheiro esta a ser depositado ou Nao.

    Se Por acaso Faltar ( Falhar) algum dinheiro ‘e Levar o mesmo Para Ministerio Publico Tribunal o Policia Responsavel.

    Da mesma forma que assim foi dito na Noticia por um Policia de Sao Tome e Principe neste Jornal em Relacao a pessoas Velhas como sao Tratadas em Sao Tome e Principe.

    Grande Reportagem gostei muito… Conclusao Saber dar Educacao as pessoas, essa palavra ( Educacao) nao aplica apenas para os nossos FILHOS que assim criamos.

    http://www.telanon.info/videos/2017/01/02/23523/fitxicelu-um-documentario-de-sao-deus-lima/

    Nuno Menezes
    United Kingdom, Lincoln

  5. img
    Pinto Responder

    Chamo a atenção para as notícias que têm saído na comunicação social Portuguesa sobre turistas que têm contraído malária em visita a São Tomé. O último caso foi a esposa de um famoso advogado Português.

    São notícias muito preocupantes e que são consequência do estado de salubridade em que se encontra a maior parte da ilha.

    Todos nós vemos diariamente a imundice que alastra na ilha, com lixo acumulado por todo o lado, cheio nauseabundo, agora até no centro da cidade.

    Outras doenças graves vão certamente começar a aparecer

    Se não houver uma actuação rápida, isto vai trazer consequências gravíssimas para o sector do turismo e para a população em geral

    Se estes casos se continuarem a repetir no futuro, temo mesmo que apareçam mesmo recomendações de muitos países para que o seus cidadãos não viajem para São Tomé

    • img
      Nuno Menezes Responder

      Querido Senhor Pinto:

      Eu Pessoalmente concordo, infelizmente nao ‘e por Culpa de Sao Tome e Principe, estando as pessoas na Europa e querem viajar para Africa de ferias pais a sua escolha, os mesmos devem dirigir-se a seu centro de saude Local e pedir informacao se ‘e necessario levar uma vacina para assim ir de ferias Pais escolhido por si.

      Eu pessoalmente, nascido em Sao Tome e Principe e com 6 anos abandonei o Pais, e quando assim ia a Sao Tome e Principe levava sempre vacina no meu centro de saude na minha localidade (RESIDENCIA) em Portugal.

      Se estes casos se continuarem a repetir no futuro,’e por falta de conhecimento das Pessoas.

      Tendo eu Passporte da Uniao Europeia, se quero ir a Estados unidos de Ferias tenho que pedir informacao o que ‘e necessario fazer… antes de ir de ferias e tambem o valor em dinheiro obrigatorio para assim ir de ferias se ‘e necessario Visto no meu Passaporte da Uniao ou Nao.

      Nuno Menezes
      Reino Unido, Lincoln

      • img
        Pinto Responder

        Nuno Menezes, tu não leste direito o que eu escrevi ou então deves ser ignorante

        Eu estou a falar de malária e malária mata, seja em São Tomé como em qualquer outro lugar.

        Se eu for a um centro de saúde da Europa ou dos Estados Unidos e disser que vou viajar para um país que não tenha casos de malária, ninguém vai recomendar nada de especial. Com todas estas notícias, seu eu disser que vou viajar para São Tomé, as autoridades VÃO RECOMENDAR EU NÃO IR, POIS CORRO O RISCO DE APANHAR MALÁRIA E MORRER.

        Ora isso é terrível para o futuro do turismo em São Tomé. Entendeste agora ?

        • img
          Nuno Menezes Responder

          Antes de mais nada muito obrigado por ter respondido de volta a questao, por esse meio gostaria de informar o seguinte:

          Todos os Paises tanto a Europa incluindo Portugal que assim a mesma ‘e; tem vacina contra Malaria.

          Essas mesmas vacinas nao sao Fabricadas em Sao Tome e Principe, o acordo que Sao Tome e Principe Tem com Portugal e outras Paises, os mesmos forncem a Vacina Contra a Malaria.

          Em Relacao a Estados Unidos Lingua Oficial Ingles, Dentro de Sao Tome a Organizacao ONU=Organização das Nações Unidas, os mesmos tem a vacina contra a Malaria para assim ser fornecidas No centro de Saude, em sao Tome e Principe se Chama Posto Medico que ‘e amesma coisa.

          Maioria das vezes aconte por falta de informacao as pessoas viajam(Viagem) para Africa o Pais a sua escolha e quando la chegam sao comtaminados com a Malaria.

          Essa Situacao nao acontece apenas as pessoas que querem ir a Sao Tome e Principe ou Pais a sua escolha, mesmo dentro de sao Tome ePrincipe as pessoas ficam contaminadas e os sintomas da Malaria apenas apresentam na Europa, sendo o senhor viajar pela Primeira vez a Europa, isso Tambem acontece.

          E o Termo Querido Senhor Pinto: Aqui na Inglaterra as Pessoas usam esse tipo de termo Obrigatoriamente quando assim seescreve uma carta ou algo parecido com isso.

          Um abraco

          Nuno Menezes
          United Kingdom,Lincoln

        • img
          Nuno Menezes Responder

          Antes de mais nada muito obrigado por ter respondido de volta a questao, por esse meio gostaria de informar o seguinte:

          Todos os Paises tanto a Europa incluindo Portugal que assim a mesma ‘e; tem vacina contra a Malaria.

          Essas mesmas vacinas nao sao Fabricadas em Sao Tome e Principe, o acordo que Sao Tome e Principe Tem com Portugal e outras Paises, os mesmos forncem a Vacina Contra a Malaria.

          Em Relacao a Estados Unidos Lingua Oficial Ingles, Dentro de Sao Tome a Organizacao ONU=Organização das Nações Unidas, os mesmos tem a vacina contra a Malaria para assim ser fornecidas No centro de Saude, em sao Tome e Principe se Chama Posto Medico que ‘e amesma coisa.

          Maioria das vezes aconte por falta de informacao as pessoas viajam(Viagem) para Africa o Pais a sua escolha e quando la chegam sao comtaminados com a Malaria.

          Essa Situacao nao acontece apenas as pessoas que querem ir a Sao Tome e Principe ou Pais a sua escolha, mesmo dentro de sao Tome ePrincipe as pessoas ficam contaminadas e os sintomas da Malaria apenas apresentam na Europa, sendo o senhor viajar pela Primeira vez a Europa, isso Tambem acontece.

          E o Termo Querido Senhor Pinto: Aqui na Inglaterra as Pessoas usam esse tipo de termo Obrigatoriamente quando assim seescreve uma carta ou algo parecido com isso.

          Um abraco

          Nuno Menezes
          United Kingdom,Lincoln

  6. img
    rapaz de Riboque Responder

    estamos a começar bem o ano com comentários de grandes espertalhões mas não dizem nada de jeito é só fogo de vista para aparecerem na imprensa nada mais trabalho vai-te embora que trabalhem as roças e deixem de bla bla bla malandros parasitas

    • img
      Vexado Responder

      Deves ser um dos do círculo de riboque e militante ADI.
      O messias da religião e ministério ADI em contraposição com ministério mana, disse aquando da campanha eleitoral: “enquanto eles (oposição) fazem batotas eu penso mais que eles.”

      Hoje pedem ideias? Que contra-senso. Hoje mais que nunca o messias terá que pensar em vez de mandar e roubar ideias.

      Abaixo ao plágio, abaixo ao culto de imagem.

      Vá pensar no melhor para o povo pequeno

      Único povo grande que conheço é messias, watson, Pedro carvalho, bala, irmãos Nazar e outros. Tbm sou povo pequeno

      • img
        rapaz de Riboque Responder

        estas muito enganado camarada não julgues os outros por ti

  7. img
    Arroz Substancia Responder

    Eu nao concordo com as vendas nas rua da capital mas dizer que o ano 2016 transformou o centro da cidade no mercado de rua nao coresponde a verdade porque este problema teve o seu inicio a muitos muitos anos areas.
    Ora bem o que devemos fazer e criar postos de trabalho para pessoas sairem de rua nunca ouve uma politica de criacao de imprego em S.tome e Principe.

  8. img
    ANCA Responder

    Se o País(Território/População/Administração), se em varias localidades, comunidades, têm Homens, capaz de empreender esforços para negócios é de as instituições nacionais perceberem que a sociedade São Tomense tem um grande potencial mal explorado, desorganizado, desestruturado, pouco rentável neste momento para o que se quer do comercio ou negócio, em que bem organizado e explorado quiçá teremos pequenos empresário do setor retalho.

    Ter Homens que levantam para trabalhar, fazer negócios é uma mais valia.

    Agora como é feito este negócio, se é na rua, se a venda obedece a critério, normas, se requer melhor organização do espaço de venda, a condições de higiene e segurança alimentar, dos controlo de prazos de validades do produtos?

    É uma questão antes de mais de saúde pública, é uma questão de falta de organização estruturação do espaço público, questão de ordenamento do território/população, falta de um plano de pormenor, pela instituições como cadastro, ou Camara Municipais, Policia Nacional, Ministério da Saúde, Mistério de Infraestruturas se se existe.

    Vários alertas sobre Instituições fracas tem sido feito.

    Lixo nas ruas, questão de saúde pública, associada a doenças de varias ordens, no seio de uma população já de si co carências de acesso a cuidados de saúde, carências monetárias, pobreza extrema.

    Competências articulação, Ministério da Saúde, Câmaras municipais,, Ministério da Defesa e Ordem Interna, Policia de Ordem Pública.

    Vendas de Produtos sem respeitar condições de higiene e segurança alimentar, falta de controlo data de validade, observação respeito pela medida de peso Quilogramas, jamais vendas de arroz no copo de lata, ou peixe na gamela sem acondicionamento no gelo fresco, ovos deve ser vendido a meia dúzia ou uma dúzia jamais a unidade, etc,etc,…. espaço de vendas, proibição de vendas pelas crianças menores idade, pois que lugar de crianças é nas escola a apreender a brincar, obs, direitos da crianças,… criação de espaço adequado a venda mercados, passando pela questão de imposto pela utilização do espaço público para venda Mercado de Peixe, Mercado Abastecedor, Mercado de Hortaliças, bem como estruturar a cidades, com espaço e locais destinados a lojas, quiosques e vendas para o comercio retalhistas, pois que a população é avida para o negocio.

    Negocio este que quando inserido na economia oficial, poderá implicar receitas para o estado, logo para investimentos futuros na área social, tudo uma questão de organização, agirmos.

    Responsabilidades competências, Ministério da Saúde, Câmaras Municipais, Policia nacional, Ministério com responsabilidades no sector do comercio.

    Existem duas áreas do comercio congressista, comercio retalhista, que devem estar confinados a regras organização dos espaço para efeitos, condições de higiene e segurança alimentar, qualidade dos produtos etc, para o bem da saúde da população, de primazia que devem também estar inserido na economia formal e jamais formal, para o bem das fiscalidade e finanças nacionais.

    Se se a Ministra da Saúde, se se o Primeiro Ministro, se se o Presidente da República, se se o Presidente das Camaras Municipais, se se o Presidente da Região Autônoma do Príncipe, se se o Comandante da Policia Nacional, se se os cidadãos sãotomenses fazem compras no mercado, ou na rua onde se vendem se se passam de carro na rua e vêem observão olhão a acumulação de lixos, para miséria na rua e jamais tem um olhar critico da realidade onde estão inseridos, então é já altura de marcar uma reunião agendar trabalhos de modo a inverter a realidade, pois que depois, queremos falar de turismo, da saúde publica, etc etc…bem como? nestas condições de observação da realidade?

    Mudanças nas regras destas realidades é de já urgente, faz parte também da diversificação economica, aproveitando o potencial populacional para organização do sector comércio a retalho, é uma mais valia desde que organizado e inserido na economia formal, isto exige espaço adequado, normas, fiscalização.

    E mais nada digo.

    Se se queres ver o País(Território/População/Administração)

    Acredita SãoTomense juntos somos capaz

    Tu és capaz de mudar o teu País, a tua realidade

    Acredita em ti

    Pratiquemos o bem pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

  9. img
    ANCA Responder

    Se se o País(Território/População/Administração), tem pouco ou nada recursos tem para pagar uma empresa de recolha de lixos ou funcionários de salubridades, então a que recorrer a meios disponíveis, os crimes têm vindo a aumentar, o estabelecimentos prisional, tem recursos defectivos prisional humanos para prestar trabalho a comunidade, formando-os na recolha e tratamento de resíduo urbanos e resíduos sólidos urbanos limpezas da vias públicas, construção de estradas, passeios, construção de um mercado, com auxilio de recursos naturais, disponíveis madeiras, chapas de zinco, limpezas da matas e obôs, faz bem dignifica o homem o trabalho, mediante uma recompensa salarial simbólica para ajudar família, ainda que na condição de presos, pois que tem acesso a cama a comida, se se possível no futuro introduzir formação para requalificação sua inserção futura na sociedade.
    A assunção destas mediadas articuladas com as forças de segurança, policia nacional.

    Assim também se constrói uma nação, se modela a cidadania, cria-se cultura de trabalho e responsabiliza-se o cidadãos, pelo exemplo.

    Mudar uma comunidade faz-se com medidas e iniciativas de curto prazos, necessário é agir.

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

  10. img
    Original Responder

    Pergunto:
    O que é que foi feito em 2016 para tornar 2017 uma esperança?
    As coisas não caem do céu e temos que plantar para depois colher.

Deixe um comentario

*