Desporto

Udra de Angolares bateu Praia Cruz e avança para final da Taça

Com golos de Dinho e Iniesta, a UDRA de Angolares conquistou no último fim de semana a Taça de São Tomé e Príncipe-série São Tomé, ao vencer o Sporting de Praia Cruz, por 2-0, no Estádio Nacional 12 de Julho.

12 de Julho registou no sábado uma das maiores enchentes da temporada nas as provas domésticas, para assistir o duelo entre UDRA de Angolares vs Praia Cruz, para a final interna da prova rainha.

As duas equipas vieram super motivadas para a tarde de gala, mas pela frente tinham adversário de botar respeito, porque não foi em vão que as mesmas acabaram nas duas primeiras posições do principal escalão.

UDRA ou Praia Cruz, quem seria o representante da ilha de São Tomé na finalíssima contra Porto Real. Esta era pergunta do momento, com as opiniões a dividirem  inclinando mais para o sul da ilha, que veio a vencer de forma categórica o desafio, por 2-0.

Dinho num belo golo, aos 38 minutos, foi o primeiro a escrever o seu nome na ficha do jogo, para alegria dos Angolares, que voltaram a explodir de alegria na etapa complementar, quando o Iniesta, aos 78, também decidiu tatuar o seu nome na história deste duelo, que coloca os sulistas pela segunda vez consecutiva na Grande final da Taça de São Tomé e Príncipe.

Assim sendo a UDRA de Angolares consegue o pleno na ilha de São Tomé, e fica com a forte possibilidade de repetir a proeza de 2014, quando juntou o campeonato à taça. Na altura o técnico era o ex-seleccionador nacional, António Rosário “Gimbôa”. Mas para isso, a equipa agora orientada por Adilson Varela terá que neutralizar os Operários da ilha do Príncipe, para conquistar o campeonato nacional, e também o Porto Real também da ilha do Príncipe, na final da Taça de São Tomé e Príncipe.

Henrie Martins

    Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo