Desporto

Os favoritos mudam rosto nas cadeiras…menos o campeão

Os principais candidatos ao título em São Tomé e Príncipe, temporada-2018, com excepção do campeão nacional em título, UDRA de Angolares, e Aliança Nacional, apresentam novas caras no comando técnico para a nova temporada, que começará no dia 14 do mês em curso.

O Sporting de Praia Cruz que foi uma sombra de si próprio na última temporada, abdicou do seu antigo treinador, Adriano Eusébio, abrindo às portas ao Suahills Dênde, que vem para recolocar a equipa no radar dos títulos, defendeu-o na apresentação.

O Vitória do Riboque que vive um jejum de títulos de década e meia, recrutou o ex-Praia Cruz, Adriano Eusébio, para o lugar deixado em aberto por Edson Bragança ‘Pululo’.

Quem também vai apresentar cara nova no banco, é o Caixão Grande, que depois da saída do Idalécio Costa para a UDRA [adjunto e preparador físico], incorporou o ex-seleccionador nacional, António Rosário ‘Gimbôa’, que na época passada orientou o Desportivo de Guadalupe, no segundo escalão.

Já no inverso, na lista dos favoritos, apenas o campeão nacional, UDRA de Angolares, e Aliança Nacional, não entram nesta dança, mas nada que impeça os patronos dessas equipas, entrarem neste baile, caso os resultados não apareçam.

Sabe-se que a nova época competitiva arranca neste sábado, na ilha do Príncipe, com o jogo da Super Taça, entre Porto Real e UDRA de Angolares, no Estádio 13 de Junho.

Henrie Martins

    Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo