Desporto

António Cádio continua sendo referência do Atletismo santomense

 ===?? HOMENAGEM??===

 

O desporto em S. Tomé e Príncipe, não gira só a volta de futebol. Outras modalidades desportivas também elevaram o nome de S. Tomé e Príncipe além fronteiras.

  • Assim resolvi pesquisar um pouco mais sobre outras modalidades. E descobri que no atletismo tivemos também grandes vedetas. E não foram poucas.

Mas hoje quero falar-vos de um “atleta todo terreno” e que mantém até então três recordes nacional.

Rendo homenagem ao António Cádio dos Anjos Paraiso ou simplesmente “CÁDIO”.

Oriundo da Ilha irmã do Príncipe, no sitio de Chimaló, fez o Ensino Primário e Preparatório na Ilha do Príncipe e concluiu o ensino liceal já na capital do País-S.Tomé.

De muito cedo começou por jogar futebol de salão como guarda-redes na categoria de Infantil representando o Sporting Clube do Príncipe no anos 70.

Mas, rapidamente apercebe-se do gosto pelo atletismo, depois de obter bons resultados na 1º Grande Jornada do Desporto Escolar realizada em S.Tomé no 12 de Março de 1978, no Estádio Nacional 12 de Julho, em que foi vencedor em provas combinadas no escalão de juniores. Começa assim uma brilhante caminhada pelas pistas de atletismo.

PERCURSO

Ao nível interno participa em várias competições á nível nacional e internacional.

Realiza a sua primeira competição internacional em Angola (Luanda), na famosa corrida de S.Silvestre, no ano 1979, tendo-se classificado em 25º lugar, num universo de 135 atletas de várias nacionalidades.

– Em 1980 participa no V meetting Internacional de Atletismo em Moçambique;

– Em 1981 representa S. Tomé e Príncipe nos II Jogos de África Central em Luanda-Angola e fica na quarta posição;

– Em 1982 participa no meeting Internacional de atletismo realizado em S.Tomé com as participações de Angola, Congo e S.Tomé e Principe).

– O Momento mais alto da carreira foi ter representado STP, no 1º Campeonato de Mundo de Atletismo que decorreu em Helsínquia (Finlândia) no ano de 1983;

– É representante de S. Tomé e Príncipe no meeting Internacional de atletismo em Estocolmo (Suécia) ano de 1983;

– Participa no meeting Internacional de atletismo dos Países da Zona IV do Desporto em África, realizado no Congo Brazaville. Compete com as representações de Angola, Camarões, Congo Brazaville, Guiné-Equatorial, Ruanda, Burundi, República Democrática do Congo, Gabão, Tchad …) no ano de 1984.

– Ainda em 1984 representa o País no 1º Campeonato de Atletismo que decorreu em Rabat – Marrocos;

Deixa S. Tomé e Príncipe e parte para Portugal no ano de 1985, para prosseguir os estudos e continuar a carreira de atletismo.

Ingressa no Sporting Clube de Portugal onde permanece duas épocas. Sendo difícil conciliar as duas coisas, a de estudante e a de atleta de alta competição, vê-se forçado a optar pelos estudos onde se Licencia em Educação – Física, pela Faculdade de Motricidade Humana de Lisboa, no ano de 1991;

É detentor do recorde nacional nas seguintes categorias, desde 1981:

*800 metros – 1min52s, desde 1981,
*1.500 metros – 4min02s, desde 1984,
*4x100m – 43s4décimos, desde 1981,
*4x400m – 3min20s7décimos, desde 1981

OUTRAS PARTICIPAÇÕES

– Meeting de Santo António – 1°. lugar nos 800 metros
– São Sivestre da Amadora – 13°. lugar
– Corta mato em Sevilha Espanha – 1°. lugar com as cores do Sporting.

Foram seus mestres:
– Prof.João Bonfim (santomense)
– Prof. Bernard Mhippning (alemão)
– Prof. Eleurério Quaresma – Bayô (santomense)
– Prof. Fonseca e Costa (português)
– Prof. Moniz Pereira (português)

Melhores marcas registadas:

*100 mts == 11s
*200 mts == 22s
*400 mts == 50s
*800 mts == 1min52s

Rendida HOMENAGEM ao Antonio Cádio Paraiso!??‍♂️

POR : Nelson Carneiro / Julho de 2020(na foto em baixo)

    5 comentários

5 comentários

  1. Macalacata

    9 de Julho de 2020 as 9:15

    Olà irmao de Ovelha.
    A onde andas???

  2. Como será

    9 de Julho de 2020 as 11:35

    Bonita biografia, para uma homenagem merecida, o pais agradece todos que eleva o nome de stome, sendo um pais pouco conhecido no mundo.

  3. helmer dias

    9 de Julho de 2020 as 14:49

    Isso mesmo Nelson muito bom trabalho ele merece como outros nossos.

  4. Pagué

    9 de Julho de 2020 as 18:24

    Valeu Nelson, saudades dos nossos cracks do estadio nacional 12 de julho, tive a sorte de os ver a brilhar.
    Os nossos heroes sao : BAIÔ, GUALTER GOMES, VALDEMAR, JORGE QUININO, ANTONIO CÁDIO, RAIMUNDO, AMÉRICO CAO VADIO, MABUZA, MAN-PITY….????

  5. bem feito

    16 de Julho de 2020 as 8:18

    Realmente tenho saudades de aqueles tempos. Dava orgulho de ser sao tomense. Hoje até os politicos brincam com a governação e tudo deixou de ser sério…

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo