Desporto

UDRA de Angolares e JUBA de Diogo Simão empatam sem golos na última jornada da primeira volta

Foi um jogo dominado pela equipa Juba de Diogo Simão que logo nos primeiros minutos colocou à prova o guarda-redes Zequinha.

A jogar num sistema de 4-4-2, a equipa comandada pelo técnico Abdelramane dominava o meio campo e, em tabelas curtas, criava situações difíceis para a formação adversária.

Contra a corrente do jogo, Dólar, o mais poderoso atacante da UDRA, desperdiçou uma soberana oportunidade para abrir o marcador, no relvado sintético do nacional 12 de Julho. Depois de receber um passe à entrada da pequena área, atirou ao lado da baliza defendida por Danger.

A Juba respondeu no minuto seguinte, mas Anderson cabeceou por cima, para desespero dos adeptos na equipa mezochiana.

O filme da primeira parte repetiu-se na segunda. No último minuto da partida a Juba perdeu a mais clara oportunidade de sentenciar o jogo.

Com o empate a Juba passa a somar 14 pontos enquanto que a UDRA de Angolares soma 19 pontos e ainda não foi desta que conseguiu regressar às vitórias.

A equipa da UDRA, uma das candidatas ao título, está a gora a cinco pontos do líder, o Agropsort de Monte Café que bateu o Sporting de Praia Cruz por 3-1.

José Bouças

1 Comment

1 Comment

  1. ANCA

    1 de Julho de 2024 at 8:59

    Se se querermos organizar o desporto nas suas modalidades, se se queremos organizar modernizar o futebol, atirar dinheiro para cima do problema sem exigir rigor, investimento, infraestruturas, formação, parece, a história de cesto com agua,…

    O clubes de futebol deparam neste momento com enorme problemas desorganização, falta de rigor, segurança, sua estruturas, staff de direção, problemas de sede, problemas de recinto de futebol, equipamentos, formação, etc,..

    A falta de um plano para o desporto nacional nas suas diferentes modalidades e neste caso no futebol reflete tal realidade territorial no desporto.

    A falta de normalização legal dos clubes, das suas ações e atividades, investimentos, infraestruturas/segurança desportiva/ medicina desportiva e formação.

    Se se queremos modernização do desporto nacional.

    Ao doar dinheiro aos clubes dever-se-ia exigir as questões de segurança desportiva, nomeadamente investimento em infraestruturas, campo de futebol, bem estruturado para pratica desportiva, questões das finanças desportivas, exigências de ter um capital social adequado ao título de clube ou associação de futebol, isto remete para as questões das receitas,…

    Imaginemos um clube de futebol como Palmar, podia se ser Vitória do Riboque, ou Água Izé, etc…sem recinto sem direção organizada, sem condições de relvado, sem condições de delimitação do mesmo, muros de proteção, bancadas, casas de banho, jogadores a jogar com sapatilhas ou vez de botas, chuteiras, sem receitas desportivas…e vai se dar 700 euros anuais a troco de que organização?

    Temos a obrigação de fazer evoluir o desporto nacional, nas suas diferentes modalidades, mais organização, rigor, investimentos, formação.

    Necessidade de um plano estratégico para o desporto nacional, é chegada altura.

    Necessidade de trabalhar investir, organizar, a segurança, a cobertura, as bancadas, as casas de banho para as equipas, de lembrar a de arbitragem, zona, salas de staffs, dirigentes, para os jornalistas, etc.,…lojas, comercio, ginásio….pensar, organizar, trabalhar evoluir, modernizar,…

    Os clubes precisam de receitas, despesas e contabilidade em dia, reorganização dos seus estatutos, reorganização da orgânica, reorganização administrativa, organização desportiva,…formação de escalões jovens, infraestruturas, equipamentos, alimentação.

    Necessário um plano estruturado de desenvolvimento do desporto em São Tomé e no Príncipe, em todas as suas modalidades.

    Assim como existe uma economia do mar, economia do rio, assim também devia deve existir uma economia do desporto, da cultura, do turismo.

    Há que estar organizado e saber tirar partido da economia do desporto.

    Primeira questão se deve colocar, prende-se, com o que se pretende com o desporto nacional com as suas varias modalidades, nesta acepção a criação de um plano para o desporto identificando lacunas e essencial para a organização do sector,…

    Desde questões de organização administrativas, desporto escolar, associações, clubes, federações,…depois as questões das infraestruturas, formação e qualificação, desempenho e desenvolvimento do desporto nacional.
    Necessidade de investimento em equipamentos desportivos e infraestruturas, investir em formação, organização para o rigor, modernização no desporto nacional.

    O futuro e boas praticas também se fazem com exemplo, de liderança, de ícones do desporto, referências de jogadores e atletas do desporto, dos bons gestores., é lamentável a posição ranking que o símbolo do país, tem vindo a assumir nalguma modalidades, nomeadamente no futebol com a vergonha de derrota, atrás de derrotas, sem que o ministério, a ministra, a direção de futebol, a federação de futebol, resignar para alteração da péssima situação e desempenho do símbolo- as seleções nacionais- da nação nas diferente modalidades, com ênfase para a de futebol.

    Há que inverter esta realidade, o desporto também é referencia é saúde, economia, finanças quando bem aliado a outros sectores

    Se és daqui, ajuda o teu país a desenvolver, tem orgulho no que é teu.

    Desporto aliado a cultura, ao turismo é sempre uma mais valia e benefício ao país, território, população, administração, mar, rio,…

    Existe varias modalidades do desporto, desde futebol, handebol, basquetebol, xadrez, judô, natação, caiaque, remos, desporto náuticos, surf, ciclismo,…há que definir um plano bem estruturado, estarmos devidamente para poder angariar investimentos, internos externos.

    Vou cingir aqui como exemplo ao desenvolvimento de outras modalidades, ao futebol.

    Primeiramente deve haver um quadro jurídico administrativo organizativo, dos clubes, das associações, e da federação, quadro, plano indicador e orientador para o desenvolvimento do desporto e das modalidades subjacente, há que fazer este trabalho,…infraestruturas desportivas, campos de futebol, equipamentos de desportivos, piscinas olímpicas, pistas equipamentos de atletismo, de ciclismo, instituições do desporto fortes e bem preparadas.

    Depois a questões de formação, formação dos dirigentes desportivos, dos treinadores, dos atletas, dos árbitros, gestores desportivos, etc…existência do Instituto do Desporto, escola do desporto, faculdades, universidades do desporto,…

    Questões de infraestruturas, captação de investimentos

    De recordar que no nosso caso como país pequeno e com insularidade interna externa, há necessidade de um plano orientador e estamos cientes desta organização.

    Futebol(o campeonato nacional) em São Tomé e no Príncipe, como tem sido organizado, praticado em que condições???

    A seleção nacional de futebol que resultados, que projeção o que se pretende?

    A federação tem recebido algum apoios, como tem sido geridos?

    Porquê de um campo como estádio nacional 12 se julho, que ainda recentemente sofreu investimentos e está no estado em que se encontra, relativamente ao tapete, infraestruturas?

    Relativamente aos resultados que tem tido a seleção de futebol,…penso que é chegado altura de inverter este quadro.

    As seleção de Marrocos, do Egito, da Argélia, aprenderam rápido esta questão, que é de ter um staff bem preparado, de organização, tanto na federação bem como na preparação desportiva para encontros, ou participação e qualificação desportiva.

    Exemplo ter um conjunto de elementos desde gestores desportivos, adjuntos, preparadores físicos e treinadores, formadores, enfermeiros, médicos constituíram o staff para qualificação, hoje e primordial, do que ter somente, uma equipa de futebol, a seleção, com um treinador, que só prepara os jogos quando está perto, do embate, sem formação e preparação interna, chamando jogadores que estão fora, como se isso por se só fosse mais valia,…

    A preparação de uma qualificação como com organização, treinos e preparação, formação de atletas, ano antes, por um staff bem organizado do desporto rei, assim também para outras modalidades que pretender almejar a qualificação ou pódio mundiais,…

    De relembrar que o desporto é pode ser a lança de projeção para o país, território, população, administração, quando aliado a eventos desportivos, fonte de receitas, do turismo.

    Pesca e caça desportiva mediante regulamento, controlo, bem definidos, de modo a proteger a fauna e a flora, ecossistema,…a natação, provas veleiros, surf, provas de remos(no mar e nos rios)caiaques, voleibol de praia, futebol de praia, motos de agua, lazer,… observação dos cetáceos, etc…

    Assim como existe uma economia do mar, do rio, assim também existe uma economia do desporto, da cultura, do turismo.

    Há que estar organizado e saber tirar partido da economia do desporto.

    Primeira questão se deve colocar, prende-se, com o que se pretende com o desporto nacional com as suas varias modalidades, nesta acepção a criação de um plano para o desporto identificando lacunas e essencial para a organização do sector,…

    Desde questões de organização administrativas, desporto escolar, associações, clubes, federações,…depois as questões das infraestruturas, formação e qualificação, desempenho e desenvolvimento do desporto nacional.

    Desporto aliado a cultura, ao turismo é sempre uma mais valia e benefício ao país, território, população, administração, mar, rio,…

    Existe varias modalidades do desporto, desde futebol, handebol, basquetebol, xadrez, judô, natação, caiaque, remos, desporto náuticos, surf, ciclismo,…há que definir um plano bem estruturado, estarmos devidamente para poder angariar investimentos, internos externos.

    Vou cingir aqui como exemplo ao desenvolvimento de outras modalidades, ao futebol.

    Primeiramente deve haver um quadro jurídico administrativo organizativo, dos clubes, das associações, e da federação, quadro, plano indicador e orientador para o desenvolvimento do desporto e das modalidades subjacente, há que fazer este trabalho,…instituições do desporto fortes e bem preparadas.

    Depois a questões de formação, formação dos dirigentes desportivos, dos treinadores, dos atletas, dos árbitros, gestores desportivos, etc.…existência do Instituto do Desporto, escola do desporto, faculdades, universidades do desporto,…

    Questões de infraestruturas, captação de investimentos

    De recordar que no nosso caso como país pequeno e com insularidade interna externa, há necessidade de um plano orientador e estamos cientes desta organização.

    Futebol(o campeonato nacional) em São Tomé e no Príncipe, como tem sido organizado, praticado em que condições???

    A seleção nacional de futebol que resultados, que projeção o que se pretende?

    A federação tem recebido algum apoios, como tem sido geridos?

    Porquê de um campo como estádio nacional 12 se julho, que ainda recentemente sofreu investimentos e está no estado em que se encontra, relativamente ao tapete, infraestruturas?

    Relativamente aos resultados que tem tido a seleção de futebol,…penso que é chegado altura de inverter este quadro.

    As seleção de Marrocos, do Egito, da Argélia, aprenderam rápido esta questão, que é de ter um staff bem preparado, de organização, tanto na federação bem como na preparação desportiva para encontros, ou participação e qualificação desportiva.

    Exemplo ter um conjunto de elementos desde gestores desportivos, adjuntos, preparadores físicos e treinadores, formadores, enfermeiros, médicos constituíram o staff para qualificação, hoje e primordial, do que ter somente, uma equipa de futebol, a seleção, com um treinador, que só prepara os jogos quando está perto, do embate, sem formação e preparação interna, chamando jogadores que estão fora, como se isso por se só fosse mais valia,…

    A preparação de uma qualificação como com organização, treinos e preparação, formação de atletas, ano antes, por um staff bem organizado do desporto rei, assim também para outras modalidades que pretendar almejar a qualificação ou pódio mundias,…

    Sabemos o que temos que fazer para desenvolver o desporto nacional

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica nos bem

    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

To Top