Economia

“São Tomé e Príncipe um paraíso desconhecido” é desta forma que o jornal de Itália “DOVE Corriere Della Sera” descreve o país

Dos Estados Unidos à Europa, o potencial turístico de São Tomé e Príncipe está na boca do mundo. A CNN anunciou como lugar de sonho para férias, na Itália o jornal “Corriere Della Sera” se deslumbra e diz que é um arquipélago cuja natureza é do início do mundo.

A reportagem que mostra aos italianos o destino de férias preferencial para 2014, foi publicada na edição do Jornal “DOVE Corriere Della Sera” do dia 5 de Dezembro de 2013. Uma iniciativa de um grupo de 11 cidadãos italianos que visitaram a ilha de São Tomé, por iniciativa do ex-cônsul de São Tomé e Príncipe em Roma Michele Sciurba.

No relato deslumbrante de São Tomé, o repórter escreve que « aqui, a situação política é calma e mover-se, para os turistas, é agradável e segura».

A virgindade das ilhas é descrita como sendo igual ao do início do mundo. O artigo do jornal que chama os italianos para a descoberta do paraíso desconhecido, acrescenta que a ilha é uma paraíso para observação de pássaros sobretudo durante a manhã, e revela que as praias são de sonho.

Fala de Belo Monte na ilha do Príncipe, do espaço cacau, da VII bienal de arte e cultura que decorre no país, dos chocolates de Claudio Corallo, a boca do inferno, roças como Água Izé e São João, enfim o país das maravilhas e da calma, é retractado ponto por ponto, ao público italiano.

São Tomé e Príncipe, está na manchete de influentes órgãos de comunicação social do mundo, pelo seu valor como lugar singular do mundo para descansar corpo e alma, sem que o Estado tenha investido um tostão para tal promoção.

Note-se que em 2012 o Governo entrou em aventuras promocionais do país no mercado alemão, que resultaram em dívidas no valor de centenas de dólares e sem qualquer impacto para o mercado nacional.

Pode ler o artigo do Jornal Italiano –

São Tomé, il paradiso sconosciuto

In mezzo all’Oceano, lontano dalla folla. Tra case coloniali e una natura da inizio del mondo. Viaggio nell’arcipelago sperduto al largo del Gabon, dove la vacanza costa ancora poco ma il paesaggio non ha prezzo

endereço – http://doveviaggi.corriere.it/dove-rcs/home/viaggi/mare/2013/luglio/principe-sao-tome-mare.html

Abel Veiga

    13 comentários

13 comentários

  1. António Silva

    16 de Janeiro de 2014 as 7:06

    Estas notícias tão agradáveis que têm surgido relacionadas com as potencialidades turísticas do nosso país são muito positivas para nós e vão estimular as vontades de muitos turistas.
    E agora?
    Há muito que o mundo deveria ter conhecimento destas notícias! Nós próprios não sabemos dar valor àquilo que temos. Excepcional riqueza natura que andamos a desperdiçar e nada ou pouco fazemos para aproveitá-la em prol do desenvolvimento do país e das pessoas das ilhas.
    A inveja, o roubo, a corrupção, a incompetência e o individualismo dos governantes levaram o país ao estado que está. Mais de trinta anos de independência e com uma “tonelada” de governos que tivemos, nunca as pessoas tiveram a noção das potencialidades deste país no campo turístico?
    Continuamos com um hospital velho e sem condições, o aeroporto internacional deveria ser um aeroporto mais adequado para estas circunstâncias e a nossa política deveria ser mais séria.
    Temos muitas potencialidades turísticas, mas faltou-nos mentes brilhantes.

    • Manuel

      16 de Janeiro de 2014 as 12:36

      Meu caro!
      Iniciaste muito bem o seu comentário, mas, infelizmente perdeste no fim.
      Pergunto, por exemplo: Qual e a percentagem da população que pagam imposto? Queremos serviços gratuitos e não produzimos e muito menos contribuímos.

  2. elsa

    16 de Janeiro de 2014 as 12:56

    Isto é muito bom mas enquanto o pontão não deixar de ser casa de banho nada feito, só vergonha.

  3. elsa

    16 de Janeiro de 2014 as 12:57

    quis dizer pontão da praça da independência

  4. fruta fruta

    16 de Janeiro de 2014 as 15:37

    Gostei da noticia e BEM HAJA a todos que possam retratar e divulgar desinteressadamente este destino de modo que estas ilhas possam constar da rota daqueles que nesta economia Global podem visitar-nos e que queiram regressar. Seria bom que estas pessoas nos recomendem aos seus amigos e haja o efeito multiplicador. Os nossos governantes terão de deixar de olhar para as suas herneas umbilicais e pensarem que este país não são o seu bem estar. Quem quer governar terá de encarar essa acção como missão e colher a fama se interessar para além da morte. Essa atitude deverá ser na optica do pensamento de uma Alda Espirito Santo e tantos os outros que “para além da morte se vão liobertando”. O Politico / Governante tem que criar as melhores condições de desenvolvimento. As “guerras internas (bega cole) terão que ser apenas internas e de censura de modo construtivo”. A nossa guerra é contra todos os outros de modo que saiamos beneficidos.

  5. jawikler

    17 de Janeiro de 2014 as 0:43

    nossos governantes não querem saber nada disso, nem vão dar um obrigado, negocio deles é petroleo! Deus abençoe STP

  6. santola01

    17 de Janeiro de 2014 as 8:51

    Estas notícias são canções aos meus ouvidos. Já a muito lutavamos para nos verem como um dos melhores destinos de férias e hoje começo a ver os resultados. Meu País, não desperdicem essa “BOLEIA”. Trabalhem com cabeça, pois aqui está o futuro de STP. Turismo!

  7. Fedê cá dóxi

    17 de Janeiro de 2014 as 8:54

    É só uma mão dos governantes o país andará

  8. laurinha de carvalho

    17 de Janeiro de 2014 as 9:40

    pomba branca bom dia sào tomé e principe ,esta noticia ,foi bem boa r vamos esperar com toda esperança que vai xegar o dia so peço os governos de deixar de inveja, e mau intençào ajudar o povo desenvolver minima mente;força e corage beijào para povo de sào tomé be principe

  9. António Menezes

    17 de Janeiro de 2014 as 19:02

    É preciso trabalhar para ter o Pais pronto para turismo, vamos trabalhar.

  10. filipe Muhongo

    18 de Janeiro de 2014 as 18:27

    Ao tela non, por favor faça-nos uma resenha biografica da pessoa do senhor Claudio Corallo

  11. Toni

    19 de Janeiro de 2014 as 20:36

    Muito Bom, agora vamos visitar as feiras de Turismo fazer contratos com os Operadores Europeus, mas tem que ser já… É que daqui a uns meses já toda a gente esqueceu… Srs Governantes acho que há uma feira de turismo em Itália em Fevereiro, toca a ir trabalhar….
    Por favor aproveitem estas notícias que são grátis para o desenvolvimento de STP .

  12. breyner

    21 de Janeiro de 2014 as 6:00

    senhores governantes de stp a opurtunidade esta a vista e a hora e essa.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo