Economia

Banco Central denuncia fraude financeira

Num comunicado lido nos órgãos de comunicação social, o Banco Central de São Tomé e Príncipe, denunciou para o público são-tomense o escândalo financeiro que arruinou as suas contas, e prejudicou o país.

No que toca a emissão da nova dobra(a moeda nacional), o Banco Central explica que a empresa britânica que emitiu as nova família da dobra esteve em São Tomé. Trabalhou junto com a nova administração do Banco Central, e constatou as anomalias. Tendo as duas partes decidido o seguinte:

O Banco Central deve prosseguir com o trabalho de recolha das notas de 200 dobras, e a realização de outras correcções ao processo. Por outro lado a empresa De La Rue assumiu a missão de prosseguir com as investigações a nível internacional, para esclarecer o escândalo que se abateu sobre o processo de emissão da nova família da moeda nacional.

Um escândalo marcado dentre outros aspectos pela circulação de notas, que não foram emitidas pelo Banco Central

Acompanhe tudo no registo audio :

Abel Veiga

 

    3 comentários

3 comentários

  1. Vanplega

    13 de Maio de 2019 as 20:25

    Eles tenhem fortunas, roubaram os misérias. Uns grupinhos, comeram o que é de todos nós.

    Por isto, vemos senhores, com carros, casas, compram casas na Europa. Tenhem um estilo de vida nada comparável com o wue ganham

    A justiça, seja feita. Que esses senhores, devolvam o que roubaram, que vendam os seus bens a asta público

    Só assim, haverá correcção neste país

    • Anselmo

      14 de Maio de 2019 as 19:58

      Vanplega
      Pelo comentário deve ser Juiz não? se fosse uma noticia a dizer que você é burro toda a gente acreditava porque da forma que escreve está visível.

      Aprofunde mais o tema e não venha disparar balas de borracha e julgar as pessoas isso é feio.

  2. Emiliano

    20 de Maio de 2019 as 13:32

    Sr. Anselmo o sr. sabe que o salário em STP não dá para fazer uma vida de Lorde, como é que filhos de João Ninguém e de Maria Patralha, depois de estarem a exercer determinadas funções começam a dar logo sinais de riqueza. É preciso criar urgentemente no país uma policia anti corrupção, para estar a controlar e monitorar todos os detentores de cargos públicos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo