Economia

Cacau- Mercado Internacional regista excedente

Para o período 2019/2020, o mercado mundial do cacau vai registar um excedente de stock na ordem de 42 mil toneladas.

O anúncio do excedente do cacau no mercado internacional, veio da Organização Internacional do Cacau. Num comunicado, a Organização explica que essa mudança é justificada pela revisão em baixa do volume de processamento, ou de transformação do cacau no mercado internacional.

Baixa de processamento provocada pelo «impacto negativo do coronavírus nas actividades de processamento dos fabricantes e nas vendas de produtos de confeitaria», diz o comunicado da Organização Internacional do Cacau.

O volume do cacau seco a ser processado na praça internacional deverá atingir neste ano, 4,63 milhões de toneladas, «149 mil toneladas abaixo do stock registado no período 2018-2019», explica a organização internacional do cacau.

No entanto a Organização Internacional do Cacau, garante que o nível de excedente do cacau que se regista no mercado internacional, ajuda a manter os preços em alta.

Um estudo do mercado mundial do cacau, indica que até o final do ano uma tonelada do produto deve valer 1.475 libras, no mercado de Londres. Valor de venda que representa uma redução de apenas 17% em relação ao preço praticado no ano 2019.

Abel Veiga

    1 comentário

1 comentário

  1. Ralph

    22 de Setembro de 2020 as 6:43

    Isto é o que acontece quando se trata de um cultivo que depende tanto do consumo popular, sendo efetivamente um produto não essencial para a maioria de gente. Com sorte, isso vai aumentando de novo quando a pandemia afrouxar e a procura de chocolate começar a subir novamente.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo