Política

ONU : François Fall conseguiu compromisso entre a oposição e o Governo

Num comunicado a Representação das Nações Unidas em São Tomé e Príncipe, dá conta que após as consultas multilaterais o Representante Especial do Secretário Geral das Nações Unidas para África Central, François Fall, apresentou ao Governo uma proposta de compromisso da oposição. «O Governo tomou boa nota da vontade atual da oposição de integrar o processo de composição do Tribunal Constitucional nos modos conciliantes que resultou das consultas realizadas pelo Representante Especial». Diz o comunicado da representação da ONU em São Tomé.

O comunicado da ONU em São Tomé esclarece ainda que apesar do compromisso alcançado sob mediação do representante especial, François Fall, « de acordo com o Governo, o processo de nomeações dos juízes estava numa fase demasiado avançada para recuar».

Realização de eleições livres e democráticas, com o simbolo da transparência, com o reconhecimento justo e pacífico dos resultados, como foi marca registada do processo eleitoral em São Tomé e Príncipe,  desde 1991 até 2014, é um valor singular no contexto africano, e que a comunidade Internacional quer proteger. «O Governo reconheceu as preocupações levantadas pelo Representante Especial, durante seus esforços de mediação, relativas às eleições livres e o reforço das instituições democráticas», refere o comunicado da ONU em São Tomé.

O leitor deve consultar o comunicado da ONU em São Tomé para ter mais detalhes sobre a missão do enviado François Fall : Communicado de imprensa – Visita do SRSG – versão pt

Téla Nón

.

    4 comentários

4 comentários

  1. mezedo

    29 de Janeiro de 2018 as 12:32

    Quando se diz que preto é todo canalha esse é mais um exemplo.

    O Homem veio ao serviço do Governo e enganou a oposição.

  2. mezedo

    29 de Janeiro de 2018 as 12:35

    A oposição deveria submeter uma queixa crime contra esse governo a Tribunal penal Internacional.

    Basta de malabarismo para ter poder.

    Preto é tudo igual.
    Apenas querem saber dos seus interesses.

    Esse senhor deve ter saído de STP com boa maça na mão para
    mostrar ao mundo que tudo vai bem, mas São Tomé poderoso vai julgar esses gajos.

  3. Quilixe Furtado

    30 de Janeiro de 2018 as 9:32

    Este comunicado é um isto à toda a oposição, bem como à Democracia.
    Como podem as Nações Unidas se prestar a esse papelão?

  4. Antonio Nilson

    2 de Fevereiro de 2018 as 11:38

    Povo! Vocês se lembra de vários anos atrás, quando eu disse que o Patrice Emery Trovoada não pode ser confiável? Recebi muitas críticas por isso. Aconteceu que estava certo. E agora?

    Talvez eu tenho que entrar no terreno para educar as pessoas em São Tomé e Príncipe sobre política, as implicações de seus votos e como isso afecta a vida do povo.

    Se as pessoas que no poder em São Tomé e Príncipe não querem melhorar as coisas para as pessoas e melhorar as situações terríveis e tristes em todo o país, o último recurso talvez sera uma revolução? Assim como a Revolução Francesa, para que recuperemos esse país?

    Esse cara, Patrice, é tão delirante em pensar que ele pode se tornar o homem mais rico da África – não é possível. STP é pobre e dependente da ajuda externa. Eu discordei com as ambições dele derrubando Taiwan por razões gananciosas, e agora a China nem o está levando a sério. Patrice Trovoada é tão doente quanto o pai dele; Ladrões?

    STP está vivendo periodos dificies; um grande problema. As pessoas precisam de acordar e fazer mudanças sérias.

Deixe um comentário

Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo