Política

ADI quer ficar à frente, MCI-PUN quer filhos da roça e o MDFM-UL é o último

O Tribunal Constitucional já definiu a ordem dos partidos políticos e coligações partidárias no boletim de voto. Para as eleições legislativas de 25 de Setembro, foi feito o sorteio dos 11 partidos e coligações que concorrentes.

Na sala de reunião do Tribunal Constitucional o sorteio ditou que o maior partido na oposição, ADI, fosse o primeiro no boletim de voto.

Elísio Teixeira, o mandatário da candidatura da ADI, foi quem extraiu a bola com o número 1. «Isso significa sempre querer estar a frente. Queremos estar a frente, trabalhamos para isso, e vamos querer chegar a frente no dia 25 de setembro», declarou o mandatário..

BASTA, o movimento político que foi oficializado em Junho passado, e que é coordenado pelo embaixador Salvador dos Ramos, ocupa o segundo lugar no boletim de voto.

Mandatários dos Partidos Políticos, movimentos e coligações

Hamilton Vaz, membro do BASTA, extraiu o número 2 da bolsa vermelha que o Tribunal Constitucional utilizou para o sorteio.

«Basta no segundo lugar significa renovar a esperança desse povo, com essa colocação 2», referiu o mandatário Hamilton Vaz.

União para Democracia e Desenvolvimento (UDD) membro da actual coligação governamental, é o terceiro.  

O Movimento de Cidadãos Independentes tem dois assentos na Assembleia acional. Coligou-se com o Partido de Uunidade Nacional(PUN), e ocupa o quarto lugar no boletim de voto para as eleições legislativas.

O líder do Movimento de Cidadãos Independentes, nasceu na roça, e foi também nas roças do distrito de Caué, que o Movimento conquistou 2 mandados nas eleições legislativas de 2018.

Agora coligado com o PUN, partido recém criado e sediado na ilha do Príncipe, o Movimento de Cidadãos Independentes, criado e liderado por António Monteiro, quer aumentar a sua base eleitoral, e o número de mandatos nas eleições legislativas de 25 de setembro. Procura conquistar e dar voz ao eleitorado das roças de São Tomé e da ilha do Príncipe.

«Preocupa-nos muito a situação dos filhos da roça. Os filhos da camada mais desfavorecida. Por isso a nossa política de fazer valer a voz dessa franja da população», afirmou Anibal Ferreira, o mandatário da candidatura da coligação MCI-PUN.

O partido Verde liderado por Elsa Garrido foi sorteado como quinto no boletim de voto. PTOS é o sexto, e CID – STP o sétimo. O MLSTP /PSD partido que lidera o actual governo de coligação, é o oitavo no boletim de voto, seguem-se os partidos MUDA e o Movimento para o progresso partido NOVO.

Juiz Presidente do Tribunal Constitucional Pascoal Daio ladeado pelo Juiz Conselheiro Hilário Garrido

MDFM-UL, partido que integra a actual coligação no governo, apresenta-se sozinho às eleições legislativas de 25 de Setembro, e ocupa a décima primeira posição no boletim de voto.

«Estamos na última posição, e é muito mais simples. Mas temos fé que o primeiro será São Tomé e Príncipe», pontuou Armindo Graça, o piloto aviador que representou o MDFM-UL no sorteio realizado na segunda-feira 29 de agosto. .

Pascoal Daio, Presidente do Tribunal Constitucional declarou que a lista sorteada seria enviada de imediato a Comissão Eleitoral Nacional, que deverá mandar imprimir os boletins de voto para as eleições de 25 de Setembro.

Abel Veiga

1 Comment

1 Comment

  1. Andorinha

    31 de Agosto de 2022 at 12:28

    Neste momento é crucial precisamos que o ADI ganhe estas eleições, e Deus ja deu sinal com o ADI nomero 1 no boletim de votos.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top