Sociedade

China lança projecto de fluoridação dentária nas escolas de São Tomé

Fluoridação dentária é um processo clínico que permite o fortalecimento dos dentes com fluor, para prevenção da cárie nas crianças.

A equipa médica da China em São Tomé e Príncipe, realizou um inquérito nacional sobre a prevalência da cárie nos alunos das escolas primárias e secundárias do país.

O resultado do inquérito provou que a situação é preocupante no país. A cárie dentária é um dos principais problemas de saúde oral em São Tomé e Príncipe.

É neste quadro que a 17ª equipa médica da China em São Tomé e Príncipe, em parceria com o Governo são-tomense decidiu lançar na quinta-feira 28 de abril, o “Projeto de Fluoridação Dentária para a Prevenção de Cárie das Crianças em São Tomé.

Intervenção dos médicos chineses

166 alunos das escolas da vila de Pantufo nos arredores da cidade de São Tomé, foram os primeiros beneficiários da assistência médica chinesa de tratamento dos dentes e a respectiva fluoridação.

«A parte chinesa está disposta em continuar a ajudar a parte santomense na protecção da saúde das crianças e da população», afirmou Xu Yingzhen, embaixadora da China em São Tomé e Príncipe.

Representantes dos ministérios da educação e da saúde marcaram presença na cerimónia de lançamento do projecto de saúde que pretende dar mais brilho ao sorriso das crianças de São Tomé e Príncipe.

Abel Veiga

2 Comments

2 Comments

  1. Vexado

    29 de Abril de 2022 at 6:55

    Governo sem noção. Cárie dentária não é doença, mas sim higienização individual.
    Porquê milhares de crianças? Parece mais um estudo clínico nas crianças com consequências para o país a longo prazo.

    Chinês fez estudos com técnicos nacionais? Foi validado? Flúor é o melhor terapia?

    O carvão elimina a cárie dentária. O problema da higiene é a água canalizada que não chega a todos os locais. Governo deve sim pedir ajuda para fazer depósito de águas para abastecer a população e assim acabará com esses problemas.

  2. Edson Neves

    29 de Abril de 2022 at 20:01

    Ótimo! Porém, a sociedade civil (pais, encarregados de educação, igrejas, Ongs) também precisa ajudar nesse processo. Ensinar nossas crianças a importância da escovação dentária , da higiene bucal, senão, serão adultas desdentadas.
    Até quando vamos ficar dependendo de ajuda externa? Simples política como essa é preciso ajuda de outros? Que país é esse?

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top