Economia

Escândalo no Banco Central

O Governador do Banco Central Hélio Almeida, os membros do Conselho de Administração, e directores do banco, foram apanhados numa rede de distribuição de dinheiro envolvendo 150 mil euros.

O acontecimento que já circulava na sociedade são-tomense desde a última quarta-feira, acabou por ser denunciado publicamente pelo maior partido da oposição o MLSTP. O partido que reuniu de urgência a sua comissão permanente para analisar o escândalo no Banco central, anunciou em conferência de imprensa, que « O Governador do Banco central, os membros do Conselho de Administração e alguns directores alegadamente envolvidos no processo distribuíram entre si avultadas somas que rondam pouco mais de 150 mil euros, sendo o contra-valor ultrapassam 3,75 milhões de dobras numa manifestação clara de má gestão de fundos públicos, uso indevido de recursos do Estado e de tamanha injustiça face a pobreza reinante no país», denunciou o MLSTP em conferência de imprensa.

O MLSTP, detalha o processo distributivo das somas de dinheiro entre o Governador do Banco central e os membros do Conselho de Administração, a luz do processo de cunhagem da nova dobra e do processo agora em curso de queima da velha dobra. «O senhor Governador do Banco Central, recebeu indevidamente cerca de 391 mil novas dobras(391 milhões de velhas dobras), a vice Governadora 360 mil novas dobras, os demais administradores 340 mil novas dobras, director dos recursos humanos 450 mil novas dobras, e demais administradores 340 mil novas dobras, o director dos recursos humanos 450 mil novas dobras e a directora de tesouraria 300 mil novas dobras», detalha o partido da oposição.

Segundo o MLSTP, a distribuição do dinheiro que ultrapassa 150 mil euros, foi feita como compensação aos beneficiários, pela prática das suas funções normais.

No entanto o MLSTP recorda que o país não tem conseguido pagar bolsas dos Estudantes no estrangeiro, o hospital central não consegue ter medicamentos para os pacientes, o salário dos funcionários públicos está sempre atrasado, e os homens e mulheres que asseguram a manutenção das estradas do país, no quadro do GIME, estão há mais de três meses sem salário.

«Esta atitude é reveladora de corrupção e violação grosseira das leis do gestor público do país, onde os gestores actuam com a maior impunidade», sublinha o MLSTP.

Por mais esta situação relacionada com a cunhagem da nova dobra, o MLSTP que já tinha submetido ao Ministério Público, um pedido de inquérito sobre o processo de cunhagem das novas dobras, diz que «vai introduzir no Ministério Público um pedido de inquérito criminal para apurar responsabilidades por este desmando vergonhoso que indicia crimes previsto nas leis vigente no país».

Mais ainda o maior partido da oposição, «apela a todas as autoridades competentes para agirem em conformidade no sentido dos valores recebidos serem imediatamente devolvidos».

Abel Veiga

    15 comentários

15 comentários

  1. Madredeus.igreja

    23 de Agosto de 2018 as 22:48

    Epa, como cidadão,quero a minha parte. É uma pouca vergonha, um governo vidarista, corruptos, aldrabons. Está é a doença do ADI e do chefe.
    Com tanta miséria no país, esses senhores, vai roubando abertamente. Aonde vamos parar?
    Vamos ver se o Ministério público ou procurador da república, tome alguma iniciativa.
    Por isto digo e repito, se não houver julgamento a esses políticos,detentores de cargos públicos, não haverá melhora neste país.
    O único remédio é a justiça funcionar

  2. MIGBAI

    24 de Agosto de 2018 as 3:58

    Minha gente.
    Por favor não se ponham já a dar comentários como se fosse um dado consumado e verdadeiro o que aqui foi escrito. Lembren-se que estamos perto das eleições e o mlstp tudo fará em campanha para denegrir as instituições existentes.
    Mentir e aldrabar o povo sempre foi política dos partidos na oposição e o mlstp não é diferente dos outros.

    • Madredeus.igreja

      24 de Agosto de 2018 as 10:59

      Se um grande partido como MLSTP,vir a público com está informação, não poderá ser mentira nenhum senhor, MIGbai
      Se assim fôr teremos mecanismo de por o MLSTP, em tribunal.

      Mais agora, deixe que a justiça entre em acção. Se o governo deixar que a justiça funcione.

      Não 1 vez que vemos crime de colarinho branco sem justiça. Tb 30 milhões, foi mentira

  3. Pedro Costa

    24 de Agosto de 2018 as 6:02

    Se estas notícias forem verídicas é preocupante. Resta.me dizer que este país é uma república das bananas e não me admiraria nada que tivessem realmente recebido estes valores.
    País sem leis e cada uma faz o que lhe apetece. Pessoas com sinais claros de enriquecimento duvidoso: casas e carros de luxo, não podem existir em demasia neste país. Um país de uma economia pobre, não é compatível com o que se vê.

  4. Santos

    24 de Agosto de 2018 as 6:36

    Porquê culpar o PT por tudo e mais alguma coisa? Bem sabemos que ele é o chefe do governo e que nessa qualidade deve garantir o bom funcionamento das instituições mas os próprios funcionários devem ser responsabilizados.

    Sr. PT … demita esses indivíduos

  5. mezedo

    24 de Agosto de 2018 as 7:43

    Essa noticia é a verdadeira ou quase verdadeira porque todos sabemos que este processo de novas dobras foi feito com muita aldrabice e só os cegos é que não querem ver e admitir que existe roubo grande e dezajerado neste país.

    Vem para carros de luxos que governantes tem adquiridos, de onde saiu esses dinheiros faces,
    Raul gravide que participo neste negocio esta com uma carinha bem nova e outros não se fala.

    mesmo assim alguns bufos ainda vem dizer que não é verdade isso.

  6. Joao Carlos

    24 de Agosto de 2018 as 8:47

    só bandidos….. Nem mesmo pessoas jovens que deviam ter uma conduta exemplar…Por isso é que o Hélio, Massari e Jacklina tanto lutam por esses cargos…

  7. Cardoso

    24 de Agosto de 2018 as 9:05

    Não importa se esses funcionários fizeram ou não um bom serviço. Não importa se tudo isso cumpre ou não os preceitos legais. Falamos aqui da ética e da moralidade. Num país onde falta tudo nos hospitais, na polícia, na função pública em geral, onde o salário é uma miséria, onde estamos todos os dias a estender as mãos à espera do apoio estrangeiro, o BC não deveria agir assim.

    Fora com esses indivíduos. E se o PT sabia e não fez nada, fora com ele também. Se não sabia, tome uma posição clara em relação ao assunto.

  8. Cardoso

    24 de Agosto de 2018 as 9:11

    «apela a todas as autoridades competentes para agirem em conformidade no sentido dos valores recebidos serem imediatamente devolvidos».

    Não basta devolver os valores, devem sair do cargo – para exercer tais funções é preciso ser idôneo e estar acima de quaisquer suspeitas. Eu não fico descansado em saber que indivíduos desses ocupam funções tão importantes para o país.

  9. Reflexão

    24 de Agosto de 2018 as 10:25

    Isto não pode ser uma calunia nem uma invenção. Se for invenção reparam na auditoria feita pelo tribunal de contas ao Presidente da Câmara Distrital de Lobata. Avultosos montantes desviados e nada foi feita até ao momento. Este caso podes crer que o S. tribunal de Justiça não irá resolver em nada, porque o nosso Chefe gosta de dirigentes assim. Espertos.

  10. Mais além!...

    24 de Agosto de 2018 as 12:34

    Não se atrapalhem porque não é nenhuma novidade, basta revisitar o histórico ou perfil dalguns implicados no caso.
    Este acto, é mais um de muitos que surgem para testar o novo sistema politizado de justiça “reformado”, imposto ilegalmente pela ADI, para proteger de forma flagrante e a qualquer custo, todos os actos de corrupção promovidos pelo chefe da ADI.
    Reparem que ele próprio(o chefe) não suja as mãos!
    Aguardemos a reacção do Procurador Geral da República nomeado face a presente denuncia pública nos órgãos de comunicação social e vamos ver mais uma vez a reacção do chefe da ADI/Governo.

  11. Adeliana Nascimento

    24 de Agosto de 2018 as 13:37

    Que vergonha. Vejam só os carros novos que eles compraram neste curto espaço de tempo. O Hélio e o Raul- carrinhas Toyata Hilux pretas, Gos outros MItsubisi 4X4. E assim vai a gestão do ADI

  12. Zani

    24 de Agosto de 2018 as 18:01

    Minha gente não se esqueçam que o lider maximo desta instituiçao ou seja H A é do MLSTP.
    Então mais uma vez isso mostra a desorientaçao da liderança deste partido que ciclicamente nos brinda com essas alegadas fraudes e corrupçoes de que tanto conhecem bem!
    Vergonha maior é denunciar sem apresentar provas e tem o descaramento de pedirem investigaçao por parte do ministerio publico.
    Qual quê! O M P tem coisas mais serias de se preocupar a ter que fazer parte do teatrinho barato do MLSTP.

    • Antonio Pedro M.

      24 de Agosto de 2018 as 21:53

      Helio Almeida é do ADI faz tempo.
      Foi sim do MLSTP,mais fez parte do grupo de traidores do mlstp.

    • MIGBAI

      25 de Agosto de 2018 as 3:40

      O mlstp já devia ter sido banido como partido político de STP com o fim da ditadura que nos impôs e que tudo destruiu. Que a ADI tenha coragem para eliminar para sempre o cancro de STP e Que se chamá mlstp e o Pinto da Costa. Quando esses desgraçados desaparecerem de STP teremos finalmente alguma paz para lutarmos pelo nosso futuro.

Deixe um comentário

Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo