Economia

ONU enfatiza prejuízos da pesca excessiva no Dia Mundial do Atum

PARCERIA-Tela Non / Rádio ONU

Captura de dois terços do peixe é feita em níveis biologicamente apropriados; data coincide com promoção de ações sustentáveis como parte do Ano Internacional da Pesca Artesanal e Aquicultura.

Neste 2 de maio celebra-se o Dia Mundial do Atum com um chamado para a conservação da espécie que tem sido um dos principais alvos da sobrepesca. A ONU volta a apelar para o fim da captura excessiva. A data foi proclamada pela Assembleia Geral em 1996. 

Na preparação da Conferência dos Oceanos, agendada para o próximo mês, em Lisboa, a organização ilustra dados científicos alertando sobre as ameaças sem precedentes provocadas pelas atividades humanas e a necessidade de dar um novo ritmo à ação global pelos mares.

Prazo 

O prazo global definido para o fim da sobrepesca até 2020 não foi cumprido. Cerca de 34,2% dos estoques do pescado estavam em níveis biologicamente insustentáveis em 2017. 

Esse período marcou ainda um crescimento da captura do atum em cerca de um terço somente em dois anos. Há quatro décadas, o nível era de 10%. A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, FAO, estima que dois terços de todos os tipos de atum são capturados em níveis biologicamente sustentáveis. 

O relatório de pesca mundial da agência revela haver mais de 7 milhões de toneladas de atum e espécies afins recolhidas anualmente. Elas representam 20% do valor de todo o pescado no oceano e mais de 8% de todos os frutos do mar comercializados em nível global. 

FAO Mais de 96 países se comprometeram a fazer a conservação e gestão do atum

Segurança alimentar

A agência pede que seja reconhecido o papel crítico do atum no desenvolvimento sustentável, na segurança alimentar, oportunidades econômicas e meios de subsistência em todo o mundo. 

A FAO alerta que a demanda do mercado de atum ainda é alta e que a alta capacidade das frotas de pesca de atum continua significativa. As espécies de atum e afins fazem parte 40 categorias encontradas nos oceanos Atlântico, Índico e Pacífico e no Mar Mediterrâneo. Por isso, as Nações Unidas proclamaram a observação oficial do Dia Mundial do Atum.

Desenvolvimento

A meta é ressaltar a importância da gestão da conservação para garantir que os sistemas implementados evitem a queda de estoques de atum. Em países em desenvolvimento, os recursos do atum são essenciais para a segurança alimentar e nutrição, crescimento econômico, emprego, receita do governo, meios de subsistência, cultura e recreação.

Em 2022, a data coincide com o Ano Internacional da Pesca Artesanal e Aquicultura. O período pretende promover a pesca artesanal e reconhecer o papel de pescadores, piscicultores e trabalhadores que contribuem para a dieta humana usando técnicas responsáveis e sustentáveis.

FAÇA O SEU COMENTARIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top